Destino turístico buscado por muitas pessoas e principalmente por alpinistas, a região de Valais, nos alpes suíços, enfrenta um forte movimento de derretimento de suas geleiras após mudanças climáticas na região. O processo está revelando algumas surpresas não tão agradáveis, que estavam escondidas sob o gelo. O local já enfrentou duas fortes ondas de calor neste ano.

O calor neste verão está tão intenso que as autoridades aconselham que os alpinistas não escalem o Matterhorn por causa das temperaturas excepcionalmente altas, que quase chegaram a 30°C em Zermatt. Isso pode causar desmoronamentos e colocar em risco as atividades no local.

Leia mais:

Dois alpinistas franceses declararam, em entrevista para o The Guardian, que encontraram ossos humanos durante a escalada de uma geleira em Chessjen, no sul da Suíça. Um porta-voz da polícia local confirmou a informação. Um helicóptero foi mobilizado para retirar os despojos mortais da área.

publicidade

Infelizmente, não se trata de uma situação pontual causada pelo calor extremo, pois uma semana antes desse acontecimento, outro corpo foi encontrado na geleira de Stockji, perto de Zermatt, a noroeste de Matterhorn. Segundo informações da polícia, a identificação dos indivíduos pode levar algum tempo, pois depende dos resultados de análise do DNA.

Outra descoberta

Além dos esqueletos descobertos pelos alpinistas franceses, o guia de escaladas Dominik Nelle (38) encontrou destroços de um avião no meio do gelo. Nelle contou ao The Guardian que, quando avistou as partes da aeronave, pensou que fossem duas mochilas.

A perícia confirmou que eram destroços do avião Piper Cherokee, que se envolveu em um acidente aéreo, na geleira de Aletsch, a maior dos alpes, em junho de 1968, e vitimou um professor, um diretor médico e seu filho, todos de Zurique. Na época, os corpos foram recuperados, mas os destroços não.

Caso semelhante nos EUA, consequência das mudanças climáticas

As consequências das mudanças climáticas também afetam os Estados Unidos no primeiro semestre de 2022. O Olhar Digital destacou o aparecimento de um cadáver dentro de um barril, no Lago Mead, no estado de Nevada, após uma grande seca baixar os níveis do reservatório a um patamar jamais visto. Segundo autoridades locais, a descoberta pode ser apenas a primeira de muitas desse tipo no local.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!