Enquanto as pessoas aguardam a próxima tentativa de lançamento da missão Artemis, que pretende, dentre outras coisas, levar os humanos à Lua novamente, volta à memória como foi a primeira viagem humana até o satélite natural da Terra.

A missão Apollo 11, perpetrada pelo astronauta Neil Armstrong foi televisionada e milhares de pessoas puderam assistir ao primeiro grande passo do homem na Lua. Como as imagens obtidas naquele período não tinham boa resolução, um dos principais especialistas em restauração digital, Andy Sanders, decidiu retocar as fotos e melhorar suas características.

Leia mais:

Após as melhorias, o astronauta Charlie Duke, que viajou para a Lua com a Apollo 16, disse que as fotografias exprimiram exatamente o que ele se lembrava de ter visto com os próprios olhos. As imagens restauradas estão disponíveis no livro Apollo, que foi reorganizado, e publicado recentemente pela editora Penguin. Além das melhorias nas cores, cada detalhe foi destacado e aperfeiçoado.

publicidade

Veja algumas fotografias remasterizadas

Veja a selfie do astronauta abaixo. Hoje, tirar foto de si mesmo faz parte do cotidiano. Mas no passado esse tipo de captura era feito somente em ocasiões especiais.

Imagem: Astronauta que participou da missão Apollo. Fotografia antes e depois das melhorias. Créditos: NASA/JSC/ASU/Andy Saunders

As missões Apollo levaram para a Lua vários objetos, desde os destroços do avião dos irmãos Wright até sementes de árvores. A maioria desses materiais foram devolvidos à Terra. Foi possível remasterizar até mesmo a foto da fotografia de família de Charlie DukeSanders.

 Imagem: NASA/JSC/ASU/Andy Saunders

A Apollo 17 foi o último pouso na Lua. Nessa ocasião, os astronautas capturaram uma imagem impressionante da paisagem de selênio, cujos detalhes estão perfeitamente destacados na imagem remasterizada.

Imagem: Paisagem da Lua feita durante a missão Apollo. Créditos: NASA/JSC/ASU/Andy Saunders

Via: infobae

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!