O WhatsApp começou a liberar, em sua versão beta, a opção de esconder o status online. Usuários com a atualização 2.22.20.9 no Android estão aptos a testar o recurso, apesar de que alguns smartphones que possuem a versão 2.22.20.7 também terem sido agraciados com o teste.

A informação foi divulgada na terça-feira (13) pelo WABetainfo, que afirmou que são poucos os usuários escolhidos para realizar o teste. Em teste há alguns meses, o recurso não possui data para ser liberado para o público em geral, mas a tendência é que ele saia logo, visto que já está disponível no Beta.

Leia mais:

Como ativar o recurso

Para quem possui as versões com o recurso disponível, basta ir em Configurações -> Conta -> Privacidade e clicar em “Visto por último e online”. Nele, o usuário pode definir quem verá seu status online.

publicidade

Usuários beta estão tendo acesso ao novo recurso desde terça-feira (13) (Imagem: Reprodução/WABetainfo)

WhatsApp começa a testar novo layout da página inicial

Frequentemente o WhatsApp testa novos recursos a fim de atrair ainda mais usuários para a plataforma. A última mudança da rede social tem relação com o layout da página inicial, ou seja, com a posição dos ícones.

Anteriormente, o botão da câmera estava localizado no centro da barra de ferramentas na parte inferior da tela. No novo teste, o ícone foi disposto no canto superior direito, ao lado do botão de iniciar uma nova conversa.

A mudança, no entanto, não é apenas por uma questão visual, mas também pela implementação do recurso Comunidades, que ficará localizado na barra inferior, no antigo lugar da câmera. 

Novo layout do WhatsApp
Imagem: Reprodução/WABetaInfo

A descoberta da mudança foi feita pelo WABetaInfo, portal especializado em notícias sobre o mensageiro da Meta

É importante ressaltar que o recurso de Comunidades ainda está sendo desenvolvido e deve demorar um pouco para chegar aos usuários, principalmente para os brasileiros, já que Ministério Público Federal fez um acordo com o WhatsApp para que o recurso não seja liberado no Brasil, devido às Eleições 2022.

A ferramenta já começou a ser testada em alguns países e vai permitir adicionar 10 grupos diferentes em cada comunidade, possibilitando que os membros se dividam em grupos de discussão menores, até mesmo para facilitar a sociabilização.

Imagem destacada: Shutterstock

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!