Parecia o apocalipse. Enquanto alguns praguejavam, outros se despediam dos seus amigos de longa data e compartilhavam memórias com ternura. Esse era o clima da timeline do Twitter depois da explosão de boatos de que a rede social iria acabar. Em meio a essa histeria coletiva, o Koo surgiu como uma plataforma alternativa. Mas, afinal, o que é o Koo?

A rede social criada na Índia tem conceito (e design) parecidíssimo ao Twitter, por isso apareceu como alternativa à rede social comprada por Elon Musk. E aí começou o êxodo de milhares de brasileiros para lá.

Leia mais:

O que você encontra no Koo

Montagens com telas da rede social Koo
O Koo é tipo o Twitter, mas com alguns recursos diferentes (Imagem: Olhar Digital)

Essencialmente, o conteúdo postado no Koo é o mesmo que você encontra no Twitter. Isso porque, tecnicamente falando, a rede social é uma plataforma de microblogging. Ou seja, é um espaço para as pessoas postarem textos curtos sobre o que quiserem, acompanhados (ou não) por fotos ou vídeos.

publicidade

Na hora de “kooar” (leia-se: criar um post na plataforma), você pode escrever e/ou anexar algum material no post do Koo. Esses anexos podem ser: até dez fotos ou algum vídeo armazenados no seu dispositivo; um link do YouTube; um link qualquer; ou uma enquete. Também dá para “kooar” com a voz, por meio de uma ferramenta de transcrição.

Já em relação à sua página de perfil, um recurso interessante (que você encontra no Tinder, por exemplo) é poder definir até dez fotos de perfil de uma vez. Depois que você escolhe, a plataforma cria uma apresentação rápida e então as disponibiliza em carrossel.

Sua página também traz suas postagens no Koo, bem como os que você curtir, comentar e “re-kooar”. O espaço mostra, também, comentários que fizerem nos seus Koos.

Primeiros minutos usando o Koo

Depois que cria uma conta no Koo, a rede social te dá dicas do que fazer (Imagem: GCapture / Shutterstock)

Logo que você entra no Koo, a rede social te dá dicas do que fazer – e como fazer – no espaço. Por exemplo, a primeira dica é: faça dez Koos por dia, pelo menos. Segundo a rede social, quanto mais Koos, maior a chance de você ser percebido por lá.

Outra dica: os Koos têm que ser cativantes. Quanto mais cativantes, maior será o engajamento deles. E aí, com o tempo (e consistência de Koos), você vai ter mais notoriedade entre os usuários.

Sabendo disso tudo, é hora de explorar. Na home, você pode acessar seu feed (de conteúdo postado por quem você segue), uma lista de sugestões de perfis para seguir e um feed com Koos aleatórios. Também dá para seguir tags e pesquisar tanto por perfis quanto por tags.

Por fim, o espaço também traz uma aba de mensagens (divididas entre perfis que você segue e não segue) e de notificações. O ícone de fogo no Koo traz as tendências publicadas nas últimas 24 horas.

Imagem: Pedro Spadoni / Olhar Digital

Fonte: Koo

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!