A Meta, empresa responsável pelo Facebook e Instagram, anunciou que vai restabelecer os perfis de Donald Trump nas redes sociais. O ex-presidente dos Estados Unidos havia sido banido após a invasão do Capitólio em janeiro de 2021. 

De acordo com a empresa, “o público deve poder ouvir o que os políticos estão dizendo para que possam fazer escolhas informadas”. Os perfis de Donald Trump devem ser reativados nas próximas semanas. 

Leia também!

O chefe de assuntos globais da Meta, Nick Clegg, afirmou que a empresa decidiu pela volta de Trump pois o risco à segurança pública que justificou sua suspensão original já havia diminuído. No entanto, Clegg garante que os perfis do ex-presidente serão monitorados de perto. 

publicidade

O executivo também garantiu que Donald Trump pode enfrentar penas mais severas por possíveis ofensas reincidentes. 

Na semana passada, a equipe responsável pela campanha de Donald Trump à presidência dos EUA em 2024 enviou uma carta à Meta solicitando a volta do empresário. “Acreditamos que a proibição da conta do presidente Trump no Facebook distorceu e inibiu dramaticamente o discurso público”, escreveu. 

Donald Trump
Imagem: Joseph Sohm/Shutterstock

Donald Trump planeja voltar à presidência dos Estados Unidos e, para isso, o empresário está organizando sua volta para as redes sociais, ambiente que o ajudou a se eleger em 2017. O Twitter já havia autorizado a volta do ex-presidente no ano passado, logo após Elon Musk assumir o controle da plataforma.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!