A Tesla confirmou no último sábado (4) um novo recall que afeta 3.470 unidades do Model Y fabricadas entre 2022 e 2023 nos Estados Unidos. O motivo? Parafusos soltos.

O problema foi identificado no dia 10 de dezembro de 2022 por um operador na fábrica de Fremont, na Califórnia. O funcionário encontrou um parafuso com torque incorreto em um Model Y recém-construído.

  • Os veículos afetados foram fabricados entre 23 de maio de 2022 e 5 de fevereiro de 2023
  • Um documento oficial publicado neste final de semana informa que um ou mais parafusos que seguram as estruturas dos bancos da segunda fileira do SUV “podem não ter sido bem apertados”.
  • A Tesla culpa o controle de qualidade do fornecedor pelo problema.
Imagem: Divulgação/Tesla

A fabricante de veículos elétricos realizou testes internos que mostram que as cargas do sistema de cinto de segurança passam justamente pela estrutura inferior do assento, ou seja, se os parafusos não estiverem bem apertados, o cinto de segurança pode não funcionar como planejado em caso de colisão, aumentando o risco de lesões para os ocupantes.

Leia mais:

publicidade

Em resposta, o fornecedor em questão, a americana Faurecia, diz que desde dezembro do ano passado adotou treinamento e supervisão aprimorados para garantir que os parafusos possam ser apertados corretamente.

A montadora de Elon Musk disse que inspecionará sem custos todos os parafusos que prendem os assentos do lado do motorista, do passageiro e da segunda fileira. Lojas e centros de serviços da marca já foram informados sobre o procedimento e proprietários afetados receberão notificações sobre o recall.

Imagem principal: H.E. Group Ltd/Shutterstock

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!