A Oracle confirmou um novo corte de empregos, desta vez na Cerner, sua unidade de registros digitais de saúde comprada pela empresa em 2022 por US$ 28,3 bilhões. A área mais afetada é a de marketing, segundo as informações do Bloomberg.

Resumo do caso

  • Na semana passada, os funcionários da empresa foram informados sobre a demissão por e-mail, revelam fontes internas da publicação.
  • Por ora, a escala total de cortes ainda não foi revelada e atingiu especialmente as divisões de marketing e serviços da Cerner e também posições técnicas, disseram ex-funcionários. 
  • Trabalhadores com mais de uma década na companhia foram demitidos, revelou Jason Withington, que trabalhou na Cerner por quase 16 anos e atuava nas operações de data center, antes de também ser demitido. 
  • A Oracle ainda não comentou o caso oficialmente. A Cerner foi integrada à empresa em junho do ano passado, contribuindo com mais de US$ 1,5 bilhão em receita só no último trimestre. 

Leia mais:

Apesar de esperar um crescimento ainda mais forte no futuro, a gigante da tecnologia seguiu com os planos de cortar custos. Em um evento para investidores em outubro passado, a CEO da Oracle, Safra Catz, antecipou que havia maneiras de melhorar a lucratividade na unidade recém-adquirida, uma delas era promover uma “limpeza” de cargos.

publicidade
Safra Catz, CEO da Oracle.
Safra Catz, CEO da Oracle. Imagem: drserg/Shutterstock

Famosa por cortes e altos lucros, a empresa anunciou no ano passado que conduziria um programa de reestruturação, segundo um documento regulatório. Só até 28 de fevereiro de 2023, a Oracle gastou US$ 585 milhões no programa, principalmente com custos de rescisão de funcionários. 

A Cerner tinha cerca de 25 mil funcionários quando o negócio multibilionário foi anunciado oficialmente em dezembro de 2021, segundo dados do Bloomberg. No ano passado, a Oracle já havia dito que fecharia alguns escritórios da empresa na área de Kansas City, no estado do Missouri, EUA. 

Imagem principal: Dragos Asaftei/Shutterstock

Via: Bloomberg

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!