A Sony disse, nesta sexta-feira (28), que vendas do PlayStation 5 aumentarão em seis milhões de unidades em 2023. Mas prevê que seu lucro cairá desse recorde, porque vendas mais fracas de serviços financeiros compensam ganhos com jogos, música e filmes.

Empresa japonesa disse que espera que lucro operacional em 2023 caia 3,2%, para US$ 8,65 bilhões (R$ 43 bilhões, na cotação atual). Previsão está abaixo da estimativa dos analistas de lucro, segundo dados da Refinitiv.

publicidade

Leia mais:

Vendas do PS5 e jogos

Console do PlayStation 5
Bom desempenho do PlayStation 5 no mercado trouxe alento para Sony após pandemia (Imagem: Divulgação/Sony)

O desempenho aprimorado da unidade de jogos da Sony, no entanto, será alívio para o conglomerado de entretenimento e eletrônicos depois. Alento vem depois da Sony lutar para fabricar consoles do PlayStation 5 suficientes para atender à demanda durante a pandemia, com interrupções na cadeia de suprimentos de semicondutores.

Agora podemos entregar o PlayStation 5 para quase qualquer lugar do mundo sem deixar nossos clientes esperando.

Presidente da Sony, Hiroki Totoki, em coletiva de imprensa após anúncio dos resultados

A Sony, que concorre com a Microsoft, fabricante do Xbox, e a Nintendo, fornecedora do Switch, disse que espera vender um recorde de 25 milhões de consoles do PS5 em 2023, ante 19,1 milhões nos 12 meses anteriores. E mais que o dobro do número vendido no ano anterior.

Para este ano comercial (no qual considera-se que cada mês tem 30 dias, totalizando 360 dias), empresa prevê que lucro em sua unidade de jogos e rede aumente 8%, para US$ 1,98 bilhões (R$ 9,8 bilhões).

‘Sombra’

Porém, o analista da Toyo Securities, Hideki Yasuda, disse que vendas lentas de software de videogame, que é mais lucrativo do que o lado do console, lançam sombra sobre unidade de jogos.

No último trimestre até março, vendas do PlayStation 5 mais que triplicaram em relação ao ano anterior, para 6,3 milhões de unidades, enquanto vendas de software caíram 3,5%. “Se você compra um novo hardware, geralmente também compra software. As vendas de software deviam ter crescido junto com o hardware”, disse Yasuda.

Outras áreas da Sony

Fachada de prédio da Sony
Lucros nas divisões de música e imagens devem ser ligeiramente maiores, estima Sony (Imagem: xsix/Flickr)

Empresa japonesa espera que lucros de suas divisões de música e imagens sejam ligeiramente maiores em 2023, com lucros de serviços financeiros caindo em um quinto.

A Sony também previu que o lucro operacional do sensor de imagem cairá 5,8%, para US$ 1,47 bilhões (R$ 7,32 bilhões).

Por fim, empresa disse que lucro operacional geral para três meses, encerrados em 31 de março, caiu 7,3%, para US$ 94 milhões (R$ 468,12 milhões).

Com informações de Reuters

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!