Na madrugada de segunda-feira (15) um meteoro passou pelos céus do Brasil e pode ser visto em alguns lugares de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

O avistamento do meteoro foi por volta das 5h25 e foi registrado por câmeras de monitoramento do clima ao vivo e da Rede Brasileira de Monitoramento de Meteoros (Bramon).

  • Em São Paulo, o evento foi observado nas cidades de Araçoiaba da Serra, Osasco, Jundiaí, Taubaté, Morro Agudo e Guarujá;
  • No Rio de Janeiro ele foi avistado apenas em Angra dos Reis;
  • E em Minas Gerais as cidades de Itajubá, Guaxupé, Pedro Leopoldo, Carmo da Mata, Lagoa da Prata, Divinópolis, Patos de Minas e Santo Antônio do Monte, registraram a passagem do meteoro.
O evento foi registrada pelo Clima ao Vivo em diversas cidades da região Sudeste.

Leia mais:

Meteoros, chuva e meteoritos

Os meteoros são a entrada de pequenas rochas espaciais na atmosfera da Terra, provocando o aquecimento e a ionização do gás ao redor gerando um rastro luminoso geralmente esbranquiçado, e acabam conhecidas como estrelas cadentes.

publicidade

No entanto, ele pode assumir cores em tons de vede, vermelho e até mesmo azul dependendo da composição da rocha.

A ocorrência de meteoros pode ser um evento isolado ou associado a uma chuva. As chuvas de geralmente acontecem por causa cometas que passaram pela Terra e deixaram pequenos fragmentos em órbita. A estrela cadente vista na região sudeste está provavelmente relacionada a Eta Aquáridas, que fica ativa todos os anos entre abril e maio e é causada por resquícios do Cometa Halley.

Esses fragmentos geralmente são muito pequenos e queimam completamente ao entrarem na atmosfera, não apresentando riscos. No entanto, dependendo do tamanho, composição e angulo de entrada, os meteoros podem sobreviver ao processo, e o fragmento restante é conhecido como meteorito.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!