O Sistema Solar é um cenário impressionante de corpos celestes, com planetas que variam em tamanho, composição e, claro, distância do nosso lar, a Terra. Olhar para o céu noturno e contemplar as estrelas é uma atividade que nos faz questionar sobre as vastas distâncias cósmicas e o quão grande é o nosso universo. Uma dúvida que com certeza já lhe ocorreu: qual é a distância da Terra até outros planetas? Prepare-se para uma viagem cósmica pela nossa vizinhança espacial.

Leia também:

A Dança Celestial: Movimento dos Planetas

Antes de mergulharmos nas distâncias exatas, é importante entendermos o movimento dos planetas em nosso Sistema Solar. Todos os planetas, incluindo a Terra, giram ao redor do Sol em órbitas elípticas. Essas órbitas não são perfeitas, mas sim ligeiramente elípticas, o que significa que elas não círculos perfeitos, mas tendem a “fazer um percurso” que se assimilaria com o formato de um ovo ou algo assim, o que significa que a distância entre um planeta e o Sol pode variar ao longo do tempo a depender da posição em que ele está, e o mesmo vale para a Terra e os demais planetas, uma vez que suas órbitas são diferentes.

Para medir as distâncias no espaço, os astrônomos utilizam uma unidade de medida conhecida como “Unidade Astronômica” (UA). Uma UA é a distância média entre a Terra e o Sol, o que equivale a cerca de 149,6 milhões de quilômetros. Mas claro, as medidas dos demais planetas para o nosso não necessariamente é medida com tal unidade astronômica.

publicidade

A distância da Terra para os outros planetas

Como você pode notar, a distância de um planeta para o outro não será a mesma em todos os momentos, uma vez que suas órbitas também diferem, com algumas sendo mais curtas e outras extremamente longas, por isso, pode-se dizer que a distância que um planeta está hoje da nossa Terra, não será a mesma que ela estará amanhã.

Por isso, adotamos aqui uma distância média de cada um desses planetas para a nossa querida Terra, de quando ele está mais próximo e seu ponto mais distante da nossa morada.

Mercúrio: O Vizinho Escaldante

Vamos começar nossa jornada cósmica pelo planeta mais próximo do Sol, Mercúrio. A distância média entre a Terra e Mercúrio varia de aproximadamente 77,3 milhões de quilômetros, quando Mercúrio está em sua posição mais próxima da Terra, a cerca de 222,5 milhões de quilômetros quando está em sua posição mais distante.

Vênus: O Planeta Irmão

O próximo destino em nossa viagem é Vênus, muitas vezes chamado de “planeta irmão” da Terra devido às suas semelhanças em tamanho e composição. A distância média entre a Terra e Vênus varia de aproximadamente 38 milhões de quilômetros a cerca de 261 milhões de quilômetros, dependendo das posições relativas dos dois planetas em suas órbitas.

Marte: O Planeta Vermelho

Marte, frequentemente chamado de “planeta vermelho” devido à cor de sua superfície, é o próximo em nossa lista. A distância média entre a Terra e Marte varia de aproximadamente 54,6 milhões de quilômetros a cerca de 401 milhões de quilômetros, dependendo de suas posições orbitais.

Júpiter: O Gigante Gasoso

Agora, prepare-se para conhecer o gigante gasoso do Sistema Solar, Júpiter. A distância média entre a Terra e Júpiter varia de aproximadamente 628 milhões de quilômetros a cerca de 928 milhões de quilômetros, à medida que ambos os planetas continuam suas órbitas em torno do Sol.

Saturno: O Senhor dos Anéis

Outra parada fascinante em nossa viagem cósmica é Saturno, famoso por seus deslumbrantes anéis. A distância média entre a Terra e Saturno varia de aproximadamente 1,2 bilhão de quilômetros a cerca de 1,6 bilhão de quilômetros, à medida que ambos os planetas continuam a dança cósmica.

Urano: O Planeta Inclinado

Urano, o primeiro dos dois planetas “externos” em nosso Sistema Solar, tem uma característica única: ele gira de lado, como se estivesse rolando pelo espaço. A distância média entre a Terra e Urano varia de aproximadamente 2,6 bilhões de quilômetros a cerca de 3,2 bilhões de quilômetros, dependendo de suas órbitas.

Netuno: O Último Gigante

Chegamos ao último planeta em nossa viagem cósmica: Netuno, o planeta azul. A distância média entre a Terra e Netuno varia de aproximadamente 4,3 bilhões de quilômetros a cerca de 4,5 bilhões de quilômetros, à medida que ambos os planetas continuam suas órbitas em torno do Sol.

Plutão: O Antigo nono Planeta

Embora Plutão já tenha sido considerado o nono planeta do Sistema Solar, sua classificação foi redefinida, e agora é considerado um “planeta anão”. A distância média entre a Terra e Plutão varia de aproximadamente 4,4 bilhões de quilômetros a cerca de 7,4 bilhões de quilômetros, à medida que ambos os corpos continuam a seguir suas órbitas excêntricas.

sistema-solar-site-nasa
Imagem: Representação do Sistema Solar. Créditos: Sergey Nivens/Shutterstock

Ao explorarmos as distâncias entre a Terra e os outros planetas do Sistema Solar, somos lembrados da vastidão do espaço e da maravilhosa dança cósmica que ocorre a cada dia. Cada planeta possui sua própria personalidade, características únicas e mistérios a serem desvendados.

Entender as distâncias entre os planetas é crucial para a exploração espacial, seja em missões robóticas ou, quem sabe, em futuras missões tripuladas. À medida que continuamos a expandir nosso conhecimento sobre o espaço, olhar para os planetas vizinhos nos ajuda a compreender melhor nossa própria Terra e a preciosa natureza do Sistema Solar.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!