Nos últimos anos a aparição de OVNIs têm se tornado cada vez mais frequentes. Em um relatório publicado no início de 2023, o serviço de inteligência dos Estados Unidos relatou o avistamento de 247 objetos não identificados nos céus do país entre março de 2021 e agosto de 2022. Esse número é quase o dobro das ocorrências registradas entre 2004 e 2021.

Em agosto, o All-Domain Anomaly Resolution Office (AARO), escritório do Pentágono responsável por assuntos relacionados a fenômenos anômalos não identificados (UAP), lançou um site onde militares e funcionários do governo podem relatar seus próprios avistamentos de OVNIs.

No site é possível conferir alguns dos avistamentos feitos pelo escritório, uns possuem explicação, enquanto os outros até então seguem sem esclarecimentos. Confira alguns:

Objeto no sul da Ásia

OVNI avistado enquanto veiculo aéreo MQ-9 observava outro MQ-9
OVNI avistado enquanto veiculo aéreo MQ-9 observava outro MQ-9 (Crédito: Departamento de Defesa (DoD) dos Estados Unidos/ Domínio Público)

Enquanto sobrevoava um local não divulgado, no sul da Ásia, o veículo aéreo não tripulado MQ-9 registrou o aparecimento de um fenômeno anômalo não identificado. As imagens foram feitas enquanto os sensores infravermelhos do drone gravavam outro MQ-9.

publicidade

Na filmagem é possível ver um objeto voador se movendo da esquerda para a direita no campo de visão dos sensores, enquanto é arrastado por um aparente rastro de cavitação.

Durante uma audiência sobre Fenômenos Anômalos Não Identificados, no dia 19 de abril, o AARO apresentou dois vídeos do objeto feitos por diferentes sensores. Após a análise das gravações, inclusão de imagens adicionais e análise de dados de voos comerciais na região, concluiu-se que, na verdade, o OVNI era uma aeronave comercial, e o rastro de cavitação, era resultado da compressão dos vídeos. Veja aqui.

Avistamento no Oriente Médio

Orbe voadora e prateada avistada no Oriente Médio
Orbe voadora e prateada avistada no Oriente Médio (Crédito: Departamento de Defesa (DoD) dos Estados Unidos/ Domínio Público)

Durante sobrevoo no Oriente Médio em julho de 2022, um drone MQ-9 avistou um objeto voador esférico e prateado. O vídeo foi apresentado também durante a audiência sobre UAPs em abril, e segundo o AARO, o objeto não apresenta comportamentos anômalos, mas segue sem identificação.

Nesses casos, onde o acesso a dados sobre o OVNI é limitado, o AARO arquiva o avistamento até que mais informações sejam obtidas e o caso possa ser resolvido. Veja aqui.

OVNI nos Estados Unidos

OVNIs avistados por campo militar nos Estados Unidos
OVNIs avistados por campo militar nos Estados Unidos (Crédito: Departamento de Defesa (DoD) dos Estados Unidos/ Domínio Público)

Um vídeo feito em 2021 por sensores infravermelho mostram três objetos voadores não identificados. O avistamento foi feito por um campo militar localizado no oeste dos Estados Unidos e apresentado pela AARO em 31 de maio de 2023 durante uma reunião pública da Equipe de Estudo Independente da NASA sobre UAPs.

A análise das imagens e das rotas de voos comerciais da região, revelaram que os três objetos eram aviões comerciais separados, que estavam muito longe dos sensores infravermelhos. Isso fez com que eles fossem vistas como pequenos pontos sincronizados. Veja aqui.

OVNI avistado por uma aeronave naval

Frame de video realizado durante avistamento de OVNI por um aviador da Marinha dos Estados Unidos
Frame de video realizado durante avistamento de OVNI por um aviador da Marinha dos Estados Unidos (Credito: Departamento de Defesa (DoD) dos Estados Unidos/ Domínio Público)

Durante um sobrevoo em um local não divulgado, um aviador da Marinha dos Estados Unidos encontrou um objeto voador não identificado. O vídeo foi gravado a partir da cabine da aeronave naval e é possível ver algo passado em alta velocidade.

A filmagem foi apresentada durante uma audiência sobre UAP pela Inteligência Naval em 17 de maio de 2022 e o caso ainda continua sem explicação. Veja aqui.

Leia mais:

No site ainda é possível encontrar outros avistamentos de OVNIs que ainda seguem sem explicação. No entanto, apesar do termo ser frequentemente associado a extraterrestres, o AARO aponta que nenhum dos relatórios analisados pelo escritório apresentaram evidências reais da existência de alienígenas, tecnologia fora do mundo ou objetos que desafiam as leis conhecidas da física.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!