O WhatsApp testa um recurso de “código secreto” para acessar conversas protegidas – aquelas que já ficam numa parte separada no aplicativo – conforme revelado pelo site WABetaInfo.

Para quem tem pressa:

  • O WhatsApp testa um recurso de “código secreto” para acessar conversas protegidas;
  • A princípio, você precisa informar o PIN do celular ou colocar a digital para acessar esses chats;
  • Agora, o WhatsApp trabalha em maneiras adicionais para o acesso a essas conversas protegidas;
  • O “código secreto” proporciona aos usuários um nível adicional de segurança, separando ainda mais essas conversas protegidas dos demais dados armazenados nos seus aparelhos.

Leia mais:

Ainda de acordo com o site, esse recurso ainda está em desenvolvimento – por isso, estará disponível numa atualização futura do aplicativo.

Senha para conversas protegidas no WhatsApp

Nome do recurso“Código secreto” (senha para conversas protegidas)
StatusEm desenvolvimento
DisponibilidadeComo está em desenvolvimento, o recurso não está pronto para os testadores da versão beta

Em maio, o WhatsApp anunciou que daria para proteger conversas com digital. Esses chats protegidos ficam listados numa seção separada do aplicativo, acessível apenas por meio do PIN do seu celular ou autenticação biométrica.

publicidade

Agora, na atualização do WhatsApp Beta para Android 2.23.21.8, o site descobriu que o WhatsApp trabalha em maneiras adicionais para acessar essas conversas protegidas. Veja abaixo:

Captura de tela de configuração de código secreto do WhatsApp num celular Android
(Imagem: Reprodução/WABetaInfo)

O WhatsApp já havia insinuado um recurso de senha personalizada para conversas protegidas quando anunciou a proteção por digital. O recurso pode ser benéfico, pois traz uma senha diferente da principal do celular e proporciona mais controle aos usuários sobre suas conversas protegidas.

Quando os usuários definem “código secreto” para seus chats protegidos, isola (e aumenta) a privacidade dessas conversas em relação aos demais dados armazenados nos seus celulares. Isso significa que mesmo se alguém burlar a senha do aparelho, não terá automaticamente acesso à pasta de conversas protegidas no WhatsApp.