Após quebrar 23 recordes mundiais em um único dia, o supercarro elétrico Rimac Nevera voltou a fazer história. Mas dessa vez de uma forma bem inusitada. Ele se tornou o carro mais rápido em marcha à ré do mundo.

Leia mais

A mais nova marca foi estabelecida no dia 7 de outubro de 2023 nas instalações da Automotive Testing Papenburg, na Alemanha. Esse é o mesmo local onde o Rimac Nevera quebrou 23 recordes mundiais no início do ano.

Representantes da Dewesoft e do Guinness World Records (o Livro dos Recordes) confirmaram de forma independente os resultados. Durante a corrida, o piloto de testes da Rimac, Goran Drndak, atingiu uma velocidade máxima de 275,74 km/h em marcha à ré.

publicidade

Veja a quebra do recorde:

Definitivamente demorou um pouco para me acostumar. Você está de costas para trás vendo o cenário piscar para longe de você cada vez mais rápido, sentindo seu pescoço puxado para frente em quase a mesma sensação que você normalmente teria sob frenagens pesadas. Você está movendo o volante com tanta delicadeza, com cuidado para não perturbar o equilíbrio, observando seu curso e sua frenagem apontando o espelho retrovisor, enquanto fica de olho na velocidade. Apesar de ser quase completamente antinatural a forma como o carro foi projetado, Nevera bateu mais um recorde.

Goran Drndak, piloto do Rimac Nevera

Em condições normais (quer dizer, andando para frente), o supercarro pode atingir uma velocidade de 412 km/h. Apenas 150 unidades do elétrico foram produzidas até agora. O valor dele é US$ 2 milhões, quase R$ 10 milhões. As informações são da Electrek.

Outros recordes do Rimac Nevera:

  • Maior velocidade de 0 a 60 mph (0 a 96,5 km/h) em 1,74 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 100 km/h em 1,81 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 200 km/h em 4,42 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 300 km/h em 9,22 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 400 km/h em 21,31 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 100-0 km/h em 3,99 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 200-0 km/h em 8,86 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 300-0 km/h em 15,70 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 400-0 km/h em 29,93 segundos.
  • Recorde mundial para o veículo de produção mais rápido a atingir 0 a 249 mph (400 km/h) e retornar a 0, em 29,94 segundos.
  • Menor distância necessária para parar a partir de 62 mph (100 km/h): 29,12 metros (95,53 pés) (medido pela Racelogic) ou 28,96 metros (95 pés) (verificado pela Dewesoft).
  • Tempo recorde para percorrer um quarto de milha: 8,25 segundos.
  • Tempo recorde para percorrer um oitavo de milha: 5,44 segundos.
  • Tempo recorde para percorrer meio milha: 12,83 segundos.
  • Tempo recorde para percorrer uma milha em pé: 20,59 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 100 mph (0 a 160,9 km/h) em 3,21 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 120 mph (0 a 193,1 km/h) em 4,19 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 130 mph (0 a 209,2 km/h) em 4,75 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 250 mph (0 a 402,3 km/h) em 21,86 segundos.
  • Maior velocidade de 60 a 130 mph (96,5 a 209,2 km/h) em 2,99 segundos.
  • Maior velocidade de 0 a 200 mph (0 a 321,9 km/h) em 10,86 segundos.
  • Menor tempo necessário para parar a partir de 62 mph (100 km/h): 29,12 metros (95,53 pés) (medido pela Racelogic) ou 28,96 metros (95 pés) (verificado pela Dewesoft).
  • Recorde mundial para o veículo de produção mais rápido a atingir 0 a 249 mph (400 km/h) e retornar a 0, em 29,94 segundos.