O universo de Scott Pilgrim, originalmente criado por Bryan Lee O’Malley nas páginas de uma graphic novel, conquistou fãs ao redor do mundo com sua mistura única de humor, romance, e referências pop. Agora, a Netflix traz uma nova adição ao mundo de Scott Pilgrim com o lançamento de um anime baseado na icônica série.

Antes de mergulhar nessa emocionante jornada animada, é crucial entender alguns pontos-chave para aproveitar ao máximo a experiência. Neste guia, vamos explorar tudo o que você precisa saber antes de assistir ao anime de Scott Pilgrim.

Leia também:

Contextualizando o mundo de Scott Pilgrim

Antes de entrarmos nos detalhes do anime, é essencial relembrar o mundo de Scott Pilgrim. A história gira em torno de Scott Pilgrim, um jovem que se apaixona pela enigmática Ramona Flowers. O problema? Para conquistar o coração de Ramona, Scott deve derrotar seus sete ex-namorados malignos. A narrativa é altamente inspirada em elementos de videogames, música e cultura pop, criando uma atmosfera única que ressoou com fãs de diversas idades.

publicidade

Scott, o protagonista da obra, é o arquétipo do jovem descompromissado, preocupado e perdido num mundo das responsabilidades adultas, relacionamentos e trabalho. O personagem acaba tendo um grande desenvolvimento pessoal ao longo da obra e é o personagem preferido da maioria dos fãs. Nos cinemas, ele foi interpretado de forma brilhante pelo ator Michal Cera, que conseguiu trazer toda a característica de Scott e serviu para fixar ainda mais o gosto pelo personagem.

Ramona Flowers, por sua vez, é a personagem que faz a história caminhar. Ela é o interesse romântico de Scott e é enigmática, cheia de segredos e mistérios, como os seus 7 ex-namorados malignos, que é o que de fato faz Scott literalmente lutar por ela.

Captura de tela do trailer do anime de Scott Pilgrim
(Imagem: Reprodução/YouTube)

Outro personagem relevante em Scott Pilgrim é o principal vilão da história, Gideon Graves, um empresário bem-sucedido do ramo musical, que é, ao mesmo tempo, carismático e extremamente manipulador, sendo o último inimigo que Scott deve enfrentar e o arquiteto de todos os problemas na vida de Ramona, a sua ex-namorada.

Além disso, existem diversos outros personagens super interessantes na obra e que realmente merecem atenção, pois ao contrário do que possa parecer, a história possui um ótimo desenvolvimento não só dos acontecimentos, mas também de cada um dos personagens apresentados.

A animação é uma sequência direta do filme?

O filme de 2010 é bastante elogiado pelos fãs de Sott Pilgrim por conseguir trazer para o cinema os principais elementos dos quadrinhos e dos jogos, porém, ele condensa inúmeros acontecimentos apresentadas na trama original, para que justamente funcionassem para o filme.

A animação por sua vez, terá uma maior quantidade de tempo para trabalhar os acontecimentos, o que faz dela consideravelmente mais fiel ao conteúdo original do que o filme. Então, não, a animação não será uma sequência direta do filme, tampouco do jogo ou das graphic novels, mas ela será sim uma adaptação fiel a história que já conhecemos e não é necessário conhecer nenhuma das obras anteriores para acompanhar a animação da Netflix, ainda que seja recomendado por serem ótimos conteúdos.

Scott Pilgrim contra o Mundo
Scott Pilgrim contra o Mundo. Via Universal Pictures

Referências Pop e Easter Eggs

Uma das características distintivas de Scott Pilgrim são as referências pop e easter eggs que pontuam toda a narrativa. Desde homenagens a videogames clássicos até sutilmente incorporar elementos da cultura pop, a obra utiliza esses elementos não só como forma de mostrar suas inspirações, mas também como elementos relevantes para a história.

A história é contada como se fosse uma espécie de jogo de fliperama, com Scott encarando o mundo dessa forma realmente, além de claro, constantemente citar referências a jogos renomados como Super Mario e Pac-Man

A produção por trás de Scott Pilgrim

Uma das principais características de Scott Pilgrim é a sua arte completamente diferenciada, não só nos traços do autor, mas também nas representações dos momentos dos personagens, o uso de cores e contrastes que ajudam a contar a história e no caso de representações audiovisuais, a música, que se torna um elemento de extrema importância.

E para fazer jus a tudo isso, o estúdio Science SARU ficou encarregada de realizar a adaptação para anime, uma vez que é um estúdio já consolidado no mercado japonês e internacional, além de já terem trabalhado anteriormente com a Netflix, durante a produção do anime Devilman Crybaby, altamente elogiado por sua animação e trilha sonora.

Outro ponto positivo dessa animação, é que os atores que estiveram durante o live action, estarão de volta na animação dando voz aos personagens em Scott Pilgrim, então teremos a presença de Michael Cera, Chris Evans, Mary Elizabeth Winstead e companhia agregando ao elenco do anime.

Scott Pilgrim conquistou um lugar especial nos corações dos fãs devido à sua mistura única de elementos narrativos, visuais e musicais. O anime da Netflix oferece uma nova dimensão aos personagens e à história que já conhecemos, mas trazendo uma nova roupagem a tudo isso. Tenha você assistido o filme, ido a graphic novel ou jogado o jogo, ou talvez não tenha consumido nenhum desses produto, ainda assim, o anime de Scott Pigrim é uma ótima escolha e não causará arrependimentos.