O sinal analógico das TVs estava previsto para terminar em 31 de dezembro deste ano, mas o Ministério das Comunicações prepara uma portaria para prorrogar o prazo de desligamento. O texto ainda está em análise pela pasta, mas, sem objeções, seguirá para assinatura e publicação. A previsão é que a nova data de desligamento e conversão para a TV digital seja apenas em 2025.

Leia mais:

Desligamento da TV analógica e digitalização

O programa para o fim da TV analógica e pela substituição pela TV Digital começou em 2016, com previsão de término da fase 3 no último dia de 2023.

No entanto, a instalação de transmissores digitais em cidades pequenas do Brasil, onde empresas de radiodifusão não estão presentes, acontece apenas desde 2012, com o programa Digitaliza Brasil.

publicidade

Próximo ao prazo final para o projeto, nem todas as cidades alcançaram a digitalização proposta.

Pessoa apontando controle para televisão
(Imagem: Rawpixel)

Novo cronograma

  • A portaria do Ministério das Comunicações prorroga o prazo para desligamento em 1.005 cidades e, se não houver objeções, será enviado para assinatura do ministro Juscelino Filho.
  • Segundo o site Telesintese, a expectativa é de uma rápida assinatura e publicação, com um novo cronograma em duas etapas.
  • A primeira será concluída em 15 de dezembro deste ano, com o desligamento do sinal analógico em 3.187 cidades que atingiram a digitalização.
  • A segunda etapa acontecerá somente em 30 de junho de 2025 e envolverá 712 cidades que não atingiriam a digitalização de todas as emissoras locais. Outras 284 cidades que chegaram à digitalização, mas têm “pendências de consignação”, também ficarão para 2025, totalizando 1.005 municípios.