A Meta, controladora do Facebook, divulgou nesta quinta-feira (1⁠º) os resultados fiscais do quarto trimestre de 2023. A big tech superou as estimativas dos analistas de mercado com vendas robustas de anúncios e dispositivos no fim do ano passado.

Leia mais:

Resultados da Meta

  • A receita da Meta cresceu 25%, para US$ 40,1 bilhões, no trimestre encerrado em 31 de dezembro.
  • Os analistas de Wall Street esperavam receita um pouco abaixo, US$ 39,2 bilhões.
  • O anúncio fez com que as ações da empresa disparassem 12% nas negociações, atingindo recordes vistos pela primeira vez em mais de dois anos. O salto adicionou cerca de US$ 140 bilhões ao valor do mercado da empresa.
  • O lucro por ação aumentou mais de 200%, para US$ 14 bilhões, ou US$ 5,33 por ação, superando as expectativas de US$ 4,97 por ação.
  • A Meta também anunciou que autorizou um adicional de US$ 50 bilhões em recompras de ações — processo em que a empresa compra de volta uma parcela de ações disponíveis na bolsa para melhorar o retorno de *dividendos para os acionistas.
  • As impressões ou visualizações de anúncios aumentaram 21% em relação ao ano anterior e o preço médio por anúncio aumentou 2%.
  • As informações são da Reuters.

A divisão Reality Labs da empresa, orientada para o metaverso, também superou as expectativas de receita para o quarto trimestre, registrando vendas recordes de US$ 1,1 bilhão. Os investidores esperavam US$ 804 milhões.

O CEO Mark Zuckerberg disse que a versão mais recente dos óculos inteligentes Ray-Ban, com assistente de IA integrado, foi um sucesso surpresa entre os consumidores.

publicidade

*Dividendos são uma fração do lucro líquido que companhias de capital aberto (aquelas que têm ações negociadas na Bolsa) compartilham com investidores.

Projeção para o início de 2024

A Meta prevê receita no primeiro trimestre de US$ 34,5 bilhões a US$ 37 bilhões, também acima das expectativas de Wall Street de US$ 33,8 bilhões. Já as despesas totais para o ano de 2024 devem permanecer entre US$ 94 bilhões e US$ 99 bilhões.

Os resultados da Meta chegam dias após a divulgação dos números da Alphabet. A dona do Google, por sua vez, decepcionou com vendas de anúncios abaixo das expectativas.