A plataforma conjunta de streaming esportivo de Disney, Fox e Warner Bros. Discovery será comercializada a um preço superior a US$ 40 por mês (em torno de R$ 200). A informação foi divulgada pelo CNBC.

Segundo o anúncio desta terça-feira, os três gigantes da mídia estão se preparando para lançar um serviço de streaming esportivo nos Estados Unidos entre setembro e novembro, durante o outono no Hemisfério Norte. As empresas visam capturar a atenção de espectadores mais jovens que não estão mais sintonizados na televisão tradicional.

Leia mais:

Embora ainda não tenha sido revelado, um executivo será nomeado para liderar a iniciativa, conforme relatos da CNBC. O serviço, que não tem previsão para chegar ao Brasil, deve servir como uma alternativa ao YouTube TV para os assinantes interessados apenas em cobertura esportiva.

publicidade

Disney, Fox e Warner Bros. Discovery não responderam aos pedidos de comentário da Reuters sobre o suposto valor mensal do streaming.

Novo streaming esportivo

  • Na terça-feira, as empresas anunciaram planos para o lançamento da plataforma, destacando a necessidade de atrair uma audiência mais jovem e adaptar-se às mudanças no comportamento de consumo de mídia.
  • O serviço, ainda sem nome definido, promete oferecer um pacote completo de programação, incluindo canais de televisão e conteúdo esportivo transmitido online.
  • A nova plataforma, ainda sem título, oferecerá canais lineares ao vivo como ESPN, ABC, Fox, TNT e TBS, além de jogos e outros direitos esportivos das três gigantes da mídia de forma não exclusiva.
  • Os assinantes terão também a opção de adquirir o serviço como parte de um pacote de streaming que inclui Disney+, Hulu ou Max.
  • As três empresas serão proprietárias de um terço da nova empreitada, que terá sua própria marca e equipe de gestão independente. 
  • Saiba mais sobre o novo serviço aqui.