Vai comprar um SUV em 2024? Um dos itens que vale conferir antes de fechar negócio é o consumo estimado na cidade e na estrada. Saiba que o Inmetro já divulgou esta semana a edição 2024 do PBEV, o Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular.

O relatório lista todos os automóveis vendidos no Brasil atualmente por consumo de combustível e eficiência energética. No total, foram 815 modelos, incluindo veículos com motorização flex, híbrida, diesel e também elétricos.

Separamos abaixo um top 10 com os utilitários menos econômicos do mercado atualmente.

Leia mais:

publicidade

Como o Inmetro avalia o consumo?

  • A avaliação segue um padrão de testes controlados. O resultado vai de nota A até E, a menor fica reservada para os veículos que mais gastam combustível.
  • Um critério de desempate na classificação é o consumo de etanol na cidade.
  • Além da medida em km/l, a mais comum e popular, o PBE também considera outra medida, a de MJ/km (megajoules por quilômetro).
  • O resultado mede o consumo de energia gasto para um automóvel se locomover por km rodado. Quanto menor o número por km, mais eficiente é o veículo.
Ferrari Purosangue
Com nota E, a Ferrari Purosangue é o SUV menos econômico do Brasil e faz apenas 4,1 km/l na cidade. Imagem: Ferrari/Divulgação

Os SUVs menos econômicos em 2024

PosiçãoMarcaModeloNotakm/l cidadekm/l estradaMJ/km
1FerrariPurosangueE4,15,64,88
2LamborghiniUrusE5,46,93,77
3AudiRS Q8E5,57,13,68
4BMWX6M CompetitionE5,77,43,53
5MercedesAMG GLE 63 SE5,97,43,45
6PorscheCayenne GT CoupéE5,87,93,44
7PorscheCayenne SE6,17,93,32
8BMWX7 M60iE6,37,73,24
9AudiQ8E77,63,06
10ChevroletTrailblazerD8,210,43,03
Fonte: Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular.

A lista completa e atualizada em fevereiro de 2024 está disponível aqui.