Desde o final do mês passado, a Amazon Prime Video passou a rodar nos EUA com anúncios. As publicidades no meio das séries e filmes preocupou alguns usuários, temendo que a experiência ao usar o serviço caísse de qualidade. Para tranquilizar o público, a Amazon chegou a dizer que “pretendia ter significativamente menos anúncios do que a TV linear e outros provedores de streaming de TV”.

Leia mais:

Mais de uma semana após os anúncios começarem a aparecer, os usuários têm experienciado que, realmente, as interrupções são pontuais e não atrapalham tanto a imersão no que se está assistindo. Ao menos é o que relata o site CNET.

“Nem todo título tem anúncios, os episódios baixados não têm comerciais e alguns conteúdos dispensam anúncios no meio do vídeo”, é o que comenta uma usuária do serviço.

publicidade

Para exemplificar, ela explica que não houve anúncios enquanto assistia um episódio da série Sr. e Sra. Smith. Antes, durante ou depois do episódio, ou até mesmo quando o próximo episódio foi transmitido em reprodução automática.

Contagem de anúncios pode melhorar a experiência

  • Saber quantos comerciais você ainda terá de ver certamente ajuda a não ser surpreendido no momento mais legal de um episódio
  • O Amazon Prime Video se preocupou com isso, e os espectadores podem ver uma contagem regressiva que indica o número e a duração dos anúncios.
  • Outra boa funcionalidade está nos conteúdos sob demanda, em que você pode acompanhar os intervalos comerciais na barra de progresso.

O que se pode concluir até agora com as experiências do público é que, no geral, os intervalos comerciais do Prime Video são mais curtos do que concorrentes como Hulu, Disney Plus, Netflix e Paramount Plus.