A Vineyard Offshore, especializada em parques eólicos, apresentou uma proposta para um parque eólico offshore de 1,2 gigawatt (GW) com turbinas gigantes, que abasteceria três estados norte-americanos: Massachusetts, Connecticut e Rhode Island. As informações são do site Electrek.

Leia mais:

A empresa desenvolveu o projeto que se chamaria Vineyard Wind 2 – o primeiro eólico parque com esse nome também foi fabricado pela mesma companhia.

Os três estados solicitaram que houvesse abastecimento de energia com capacidade eólica offshore de até 6,8 GW. Vineyard Wind 2 foi proposto a cada estado e aos três estados juntos no âmbito do processo de solicitação da região de New England, onde se localizam os três.

publicidade

A confiança para que o projeto ganhe corpo reside no fato de que, segundo a Vineyard Offshore, a sua proposta inclui mais de 200 cartas de apoio de autoridades locais, fornecedores e partes interessadas dos três estados.

Além disso, um acordo de benefício tribal eólico offshore também foi assinado recentemente com a tribo Mashpee Wampanoag.

“Como a equipe que desenvolveu o Vineyard Wind 1, o primeiro projeto eólico offshore em escala comercial do país, a Vineyard Offshore sabe como fornecer energia eólica offshore para os estados de New England, conquistando a confiança das comunidades em que trabalhamos”, disse o CEO da Vineyard Offshore, Alícia Barton.

turbinas
Imagem: TebNad / Shutterstock.com

Instalação do parque eólico traria ótimas vantagens para o meio ambiente

  • A energia limpa que a instalação do Vineyard Wind 2 poderia fornecer seria suficiente para, a partir de 2031, abastecer casas de mais de 650 mil famílias.
  • O impacto positivo disto, seria evitado a emissão de 2,1 milhões de toneladas de CO₂ anualmente em toda a região de New England.
  • Um corte na emissão de carbono que é equivalente a retirar 414 mil carros das estradas.

A localização do novo parque eólico estaria 46 quilômetros ao sul de Nantucket, na área de arrendamento OCS-522, mantida por fundos administrados pela Copenhagen Infrastructure Partners, empresa parceira da Vineyard Offshore e da Avangrid para o desenvolvimento de centros de energia limpa nos EUA.

Ainda consta na proposta que o desenvolvimento do parque Vineyard Wind 2 geraria aproximadamente US$ 2,3 bilhões em despesas diretas e 3,8 mil empregos emprego em toda a região de New England.

A previsão é que o impacto que esse parque eólico teria no mercado de eletricidade poderia gerar benefícios no valor de US$ 4,8 bilhões ao longo de 20 anos. Parte desse valor seriam US$ 600 milhões provenientes da redução das taxas do mercado de eletricidade e da prevenção dos picos de preços durante o inverno.

parque eólico flutuante
Imagem: Terje Aase/Shutterstock