Um projeto ambicioso está sendo desenvolvido na Europa. Quando estiver finalizado, o maior túnel subaquático do planeta permitirá a ligação entre a Alemanha e a Dinamarca através do Mar Báltico. No total, serão 18 quilômetros de extensão.

Leia mais

publicidade
Túnel terá 18 quilômetros de extensão (Imagem: Femern A/S)

Redução significativa no tempo de viagem

  • Batizada de túnel Fehmarnbelt, a construção ligará Rødbyhavn, na Dinamarca, a Fehmarn, na Alemanha.
  • Esta também será a rota mais curta entre a região da Escandinávia e o resto da Europa.
  • De trem, os viajantes poderão percorrer o trecho em sete minutos.
  • Já de carro, a duração da viagem será de 10 minutos.
  • Hoje, a única forma possível de atravessar a região é de balsa, um percurso que demora cerca de 45 minutos.
Obras do túnel Fehmarnbelt (Imagem: Femern A/S)

Túnel deve ficar pronto em 2029

O empreendimento exigirá um total de 360 mil toneladas de vergalhão, o que equivale a quase 50 vezes o peso da estrutura da Torre Eiffel, em Paris. O canteiro de obras do lado dinamarquês tem o tamanho de 373 campos de futebol.

Cerca 70 embarcações estiveram envolvidas na dragagem da trincheira do túnel, que também é de 18 km. No total, 12 milhões de metros cúbicos de solo foram retirados do fundo do mar para permitir a construção.

publicidade

O túnel em si consiste em 79 seções padrão e 10 seções especiais. Cada uma delas pesa cerca de 73 mil toneladas e tem um comprimento de 217 metros, com uma largura de 42 metros e uma altura de 10 metros.

Estas partes do túnel estão sendo fundidas em terra firme. Em seguida elas serão posicionadas no mar com a ajuda de uma balsa, antes de finalmente serem submersas e seladas no fundo do mar a uma profundidade de até 40 metros.

publicidade

Toda a construção custará cerca de US$ 1,2 bilhão, mais de R$ 6,5 bilhões. A previsão é que o túnel Fehmarnbelt seja concluído em 2029.