amazon prime

Após estrear no Brasil, Amazon Prime atinge 150 milhões de assinantes

Vinicius Szafran, editado por Matheus Luque 31/01/2020 17h12
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Último trimestre de 2019 foi o de maior adesão ao seu serviço de assinatura, segundo a Amazon

A Amazon divulgou recentemente seu balanço do quarto trimestre de 2019 e deu mais alguns detalhes sobre seu serviço de assinatura, o Amazon Prime. Segundo a empresa, o período de maior adesão ao Prime foi entre outubro e dezembro, no qual o serviço atingiu a marca de 150 milhões de usuários no mundo todo.


Até então, os números só haviam sido revelados em abril de 2018, quando o serviço contava com 100 milhões de usuários. Esse também foi o primeiro trimestre completo do Amazon Prime no Brasil, depois de seu lançamento em setembro de 2019.

O serviço é oferecido no Brasil por R$ 89 ao ano, ou R$ 9,90 ao mês. A assinatura do Amazon Prime garante acesso ao Prime Video, Twitch Prime, frete grátis nos pedidos na loja, acesso ao serviço de ebooks Prime Reading e a dois milhões de faixas no Prime Music.

Nos Estados Unidos, o Amazon Prime garante também a entrega de alguns pedidos no mesmo dia, ou até mesmo dentro de um intervalo de duas horas, além de todas as outras vantagens. De acordo com Jeff Bezos, CEO da Amazon, as compras com estes prazos quadruplicaram no quarto trimestre de 2019, em relação ao mesmo período do ano anterior.

Reprodução

Ele destacou também o serviço de streaming de vídeo da companhia. "Os membros do Prime assistiram o dobro de horas de filmes e programas no Prime Video neste trimestre em comparação ao ano passado e as produções Amazon Originals receberam 88 indicações e 26 vitórias nas principais premiações", disse o CEO.

O Amazon Prime e outros serviços da empresa, como o Amazon Music Unlimited, registraram faturamento de US$ 5,23 bilhões no quarto trimestre do ano passado. O resultado é 32% melhor do que o registrado no mesmo período do ano anterior.

A Amazon Web Services (AWS), plataforma de computação em nuvem, teve faturamento de US$ 9,95 bilhões e um crescimento de 34% em relação ao mesmo período de 2018. No entanto, a área da empresa que mais cresceu foi a de anúncios: registrou US$ 4,78 bilhões em faturamento, 41% a mais que no último trimestre do ano anterior.

No total, o faturamento da Amazon no quarto trimestre de 2019 ficou em US$ 87,4 bilhões, 21% a mais do que nos últimos três meses de 2018. A companhia teve lucro de US$ 3,26 bilhões, com crescimento anual de 8%.

Via: Terra

Amazon Brasil Jeff Bezos Amazon Web Services Amazon Prime amazon prime video assinantes
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você