iPhone

Foxconn ficará fechada por pelo menos mais uma semana na China

Matheus Luque 04/02/2020 11h52
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Acredita-se que mais da metade dos iPhones no mundo são fabricados na 'cidade do iPhone' da Foxconn, na China

A Foxconn, empresa chinesa responsável pela fabricação de produtos da Apple, interrompeu "quase toda" sua produção na China devido ao surto de coronavírus. A paralisação vai seguir até o dia 10 de fevereiro, pelo menos. A informação é do site Bloomberg.


Uma parada prolongada pode atrapalhar substancialmente os clientes da Foxconn, principalemente a Apple. Na semana passada, o CEO da gigante da tecnologia, Tim Cook, disse aos investidores que as projeções de receita da empresa para o próximo trimestre refletiam um atraso na reabertura das instalações de produção. A Apple também fechou suas lojas e escritórios até 9 de fevereiro.

Reprodução

Acredita-se que mais da metade dos iPhones do mundo são fabricados na "cidade do iPhone" da Foxconn em Zhengzhou, China, onde cerca de 350 mil pessoas trabalham lado a lado para montar o principal e mais lucrativo produto da Apple.

A China prolongou o feriado do Ano Novo Lunar em grande parte do país, com as fábricas programadas para reabertura no dia 3 de fevereiro, mas a data foi prorrogada até 10 de fevereiro. A possibilidade dos fabricantes de reabrir suas fábricas depende da aprovação dos governos central e provinvial.

O surto de coronavírus foi declarado uma emergência mundial de saúde pela Organização Mundial da Saúde e ameaça a prejudicar a cadeira de suprimentos global, já em tumulto após a guerra comercial entre EUA e China.

O vírus já infectou mais de 20 mil pessoas, das quais mais de 400 morreram.

 

Via: The Verge

iPhone Apple China foxconn eua x china
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você