Purism começa entregas do Librem 5, o smartphone Open Source

Aparelho é totalmente baseado em Software Livre, do sistema operacional aos drivers que controlam o hardware

Rafael Rigues 27/09/2019 11h09
Librem 5
A A A

A Purism, conhecida fabricante de notebooks feitos sob medida para rodar totalmente com software livre, começou as entregas de seu projeto mais ambicioso: o Librem 5, um smartphone totalmente Open Source.


Ao contrário de praticamente todos os outros smartphones do mercado, o Librem 5 não roda o Android, iOS ou KaiOS. O sistema operacional é o PureOS, uma distribuição Linux baseada no Debian desenvolvida pela própria Purism, que já é usada nos computadores da marca.

Segundo a empresa, isso é importante tanto pelo ponto de vista da segurança (todo o código do sistema é auditável) como da privacidade: ao contrário do Android, por exemplo, o sistema não foi projetado para coletar o máximo possível de informações possível sobre a localização e atividades do usuário para fins de marketing.

A Purism garante que o desenvolvimento do PureOS é feito tendo como prioridade as necessidades do usuário, e não de grandes corporações. Por isso, promete atualizações de software com correções de segurança e novos recursos por toda a vida do aparelho, e não apenas por um tempo específico. Da mesma forma, afirma que atualizações não deixarão o smartphone mais lento com o tempo.

A exigência de software 100% Open Source, incluindo drivers que controlam os vários periféricos, limitou as escolhas de hardware. Portanto, as especificações do Librem 5 são bastante modestas, mesmo quando comparadas a um smartphone Android de entrada: processador i.MX 8M Quad-Core de 1,5 GHz, acompanhado por 3 GB de RAM e 32 GB de memória interna.

Reprodução

O smartphone é compatível com redes 4G. A tela de 5,7 polegadas tem resolução de 720 x 1440 pixels. Há duas câmeras, uma traseira de 13 MP (com flash) e uma frontal de 8 MP. A bateria tem capacidade de 3.500 mAh e pode ser substituída pelo usuário. Também há um conector para fones de ouvido e chaves físicas para desabilitar Wi-Fi, Bluetooth, toda a parte de telefonia celular, câmera e microfone.

A entrega dos aparelhos está sendo feita em lotes para os apoiadores que o adquiriram na pré-venda. O curioso é que os aparelhos serão ligeiramente diferentes em cada lote: quem quiser estar entre os primeiros a receber um Librem 5 terá em mãos um smartphone com 'encaixe menos preciso', 'alinhamento variável' e botões 'sem acabamento', com carcaças produzidas individualmente. Uma versão final, com carcaças moldadas em plástico e produção em massa, só está programada para o segundo trimestre de 2020.

O software também varia: na versão inicial ele incluirá 'a primeira versão dos aplicativos principais, gerenciamento de contatos, navegação da web básica, uma versão inicial do software de gerenciamento de energia e atualizações de software feitas através de um terminal’. A cada lote o software irá ficar mais sofisticado, com uma versão completa também prevista para o segundo semestre de 2020.

O Librem 5 tem preço sugerido de US$ 699.

Fonte: Purism

Software Livre Linux Android Smartphones open source iOS smartphone kaios
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você