Startup cria novo tipo de máscara que filtra 99,8% dos poluentes no ar

Com a Ao Air Atmos, usuários respiram ar "trezentas vezes" mais limpo do que as pessoas ao seu redor

Rafael Rigues 07/02/2020 11h04
Ao Air Atmos
A A A

Uma startup de Portland, nos EUA, desenvolveu um novo tipo de respirador portátil que é capaz de filtrar 99,8% dos poluentes nocivos no ar. Com ela, seus usuários poderão respirar um ar “trezentas vezes” mais limpo que as pessoas ao redor.


Projetada pela Ao Air, a Atmos tem um design incomum, com um visor transparente que lembra um par de óculos de esqui. Mas há um motivo para isso: assim ela não oculta a boca do usuário, e com isso não atrapalha a comunicação e interação social.

O ar é sugado por entradas próximas ao pescoço, filtrado e expelido por aberturas no interior da máscara. A pressão positiva criada pelo movimento do ar faz com que poluentes externos não consigam entrar, mesmo que a Atmos não seja completamente fechada ao redor do rosto.

Componentes móveis permitem ajustar o encaixe da máscara ao redor do nariz e pescoço, para mais conforto. E além de filtrar, a máscara ainda mostra a qualidade do ar ao redor do usuário, graças a uma conexão Bluetooth e um app em um smartphone.

Vale notar que a máscara foi projetada para filtrar poluentes, e não filtra vírus como o novo Coronavírus, que são muitas vezes menores. Entretanto, a Ao Air afirma estar trabalhando em novas soluções de filtragem para atingir este objetivo.

A Ao Air Atmos já está em pré-venda nos EUA por US$ 350, com entrega prevista para julho deste ano.

Fonte: KGW8

Saúde wearable poluiçao máscara facial
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você