Monty Python

Terry Jones, um dos fundadores de Monty Python, morre aos 77 anos

Vinicius Szafran, editado por Maria Lutfi 22/01/2020 18h20
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Poeta, historiador e diretor morreu após batalha contra demência rara

Terry Jones, um dos fundadores do grupo de comédia britânico Monty Python, morreu nesta terça-feira (21), aos 77 anos. Jones enfrentava uma forma rara de demência, diagnosticada em 2015. 


Talvez os nomes de Terry Jones e de Monty Python sejam relativamente desconhecidos para os mais jovens, mas o legado desse grupo de comediantes é tamanho que o cinema e a televisão devem muito de sua forma atual a todas as barreiras quebradas muitas décadas atrás.

A morte de Jones foi confirmada por sua família, através de um comunicado: "Estamos profundamente tristes em anunciar a morte de nosso amado marido e pai, Terry Jones". Segundo os familiares, em seus últimos momentos, o artista estava "com sua mulher, Anna Soderstrom, ao seu lado, após uma batalha extremamente corajosa, mas sempre bem-humorada, contra uma forma rara de demência".

Reprodução

Em 2016, foi revelado que Jones sofria com demência frontotemporal, diagnosticada um ano antes. Assim, ele se tornou o representante público da doença. Em 2017, ele falou sobre o assunto na cerimônia da Academia Britânica de Artes Cinematográficas e Televisivas (Bafta).

Além de Monty Python, Jones trabalhou em diversos projetos, incluindo documentários, a série televisiva "Ripping Yarns", e cerca de 20 livros infantis. "Seu trabalho com o 'Monty Python', seus livros, programas de TV, poesias e outros trabalhos permanecerão vivos para sempre", disse a família de Terry.

"Nós, sua esposa, Anna, os filhos Bill, Sally e Siri, e toda a família, gostaríamos de agradecer aos maravilhosos médicos e cuidadores de Terry por tornar os últimos anos não apenas suportáveis, mas muitas vezes alegres".

Reprodução

Nascido no País de Gales em 1942, Terence Graham Parry Jones foi também historiador, poeta e diretor de cinema. Ele foi um dos criadores da série de TV britânica "Monty Python's Flying Circus", que reescreveu as regras da comédia com quadros, esquetes, personagens e frases de efeito surreais, em 1969.

Jones dirigiu o primeiro filme do grupo, "Monty Python em Busca do Cálice Sagrado", com o colega Terry Gilliam. Os dois filmes seguintes, "A Vida de Bryan" e "Monty Python - O Sentido da Vida" também foram dirigidos por ele.

Como uma das mentes criativas por trás do grupo, Jones também atuava, na maioria das vezes fazendo o papel de mulheres de meia-idade. Em "A Vida de Brian", ele interpreta a mãe do personagem principal. Este filme, "Monty Python em Busca do Cálice Sagrado" e "Monty Python's Flying Circus" estão disponíveis para assistir na Netflix.

Via: BBC

Filmes Cinema Morte
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você