Em um evento realizado na China na manhã desta segunda-feira (29) a Xiaomi lançou o Mi 11 Pro e Mi 11 Ultra. Assim como o Mi 11, lançado em fevereiro, ambos são smartphones premium equipados com o processador Qualcomm Snapdragon 888, o mais poderoso disponível atualmente para celulares Android.

Mi 11 Pro: “Rei dos Android”

Apelidado pela empresa de “Rei dos Android”, o Mi 11 Pro vem equipado com uma tela com AMOLED de 120 Hz com resolução 2K protegida por Gorilla Glass Victus, que é 1,5 vezes mais resistente que as gerações anteriores contra riscos, e duas vezes mais resistente contra impactos.

publicidade

O principal destaque do aparelho são as três câmeras traseiras. A câmera principal (wide) usa o sensor Samsung ISOCELL GN2 de 50 MP, acompanhado por uma lente com 8 elementos e estabilização óptica de imagem.

Segundo a Xiaomi, o sensor é cinco vezes maior que o usado no iPhone 12 Pro, com pixels de 1,4 micrômetros que podem ser combinados em um arranho 2 x 2 e se comportar como elementos de 2,8 micrômetros. Na prática, isso deve se traduzir em melhor desempenho em situações de pouca luz, com imagens mais claras e com menos ruído.

Leia mais:

A lente telefoto tem zoom óptico de 5 vezes, que pode chegar a 50 vezes combinado ao zoom digital. Na gravação de vídeo o Mi 11 Pro também se destaca, sendo capaz de capturar imagens em resolução 8K, ou usar um modo de “super câmera lenta” a 1920 quadros por segundo. Ou seja, um segundo de ação em tempo real se transforma em 32 segundos em câmera lenta.

Xiaomi Mi 11 Pro
Xiaomi Mi 11 Pro

O Mi 11 Pro é o primeiro topo de linha da Xiaomi com certificação IP68 de resistência a água e poeira. Para conseguir o selo, o aparelho tem que sobreviver a uma profundidade de 1,5 metro por 30 minutos. Mas durante os testes a Xiaomi foi além, levando o aparelho a 42 metros de profundidade, mergulho do qual ele retornou ileso.

Outro ponto digno de nota é a bateria de 5.000 mAh. A Xiaomi equipou o aparelho com um sistema de carga rápida de 67 Watts, com ou sem fios. Em ambos os casos, são necessários apenas 36 minutos para uma carga completa.

Isso significa que o usuário não precisa mais escolher entre a conveniência de um carregador sem fios ou a velocidade de um com fios. E a empresa faz questão de destacar que o carregador com fios vem incluso na embalagem, sem custo extra.

Também estão inclusas na embalagem uma película e capa transparente com tratamento “anti-bacteriano”. Na configuração com 8 GB de RAM e 128 GB de memória interna, o Mi 11 Pro chegará ao mercado chinês com preço sugerido de 4.999 Yuan, cerca de R$ 4.400.

Mi 11 Ultra: o “Android definitivo”

Se o Mi 11 Pro é o “rei”, o Mi 11 Ultra é, segundo a Xiaomi, o “Android definitivo”. O principal destaque do modelo é o sistema de câmeras, abrigado em uma imensa plataforma no topo da parte traseira do aparelho.

Xiaomi Mi 11 Ultra
Xiaomi Mi 11 Ultra

São três câmeras, uma “wide” com o mesmo sensor ISOCELL GN2 de 50 MP do Mi 11 Pro, uma ultra-wide com ângulo de visão de 128 graus e sensor Sony IMX586 de 48 MP e uma telefoto, também com um sensor Sony IMX586, mas zoom que pode chegar a 120 vezes.

Em demonstração no palco o CEO da Xiaomi, Lei Jun, fez questão de demonstrar a superioridade das câmeras do Mi 11 Ultra quando comparada a uma câmera Sony RX100M7 em situação de escuridão quase total. O celular produziu imagens muito mais claras, com cores mais definidas, menos ruido e nível de detalhes visivelmente superior.

Exemplos de uso da tela traseira do Mi 11 Ultra
Exemplos de uso da tela traseira do Mi 11 Ultra

Além das câmeras, a traseira do Mi 11 Ultra tem uma pequena tela OLED colorida com múltiplas funções. Ela pode servir como identificador de chamada (se o celular estiver com a tela para baixo sobre uma mesa, por exemplo), mostrar data e hora, nível da bateria ou animações personalizadas. Mas sua função principal é a de “viewfinder”, permitindo o uso das câmeras traseiras para selfies.

O Mi 11 Ultra estará disponível em três configurações, com 8 + 256 GB, 12 + 256 GB ou 12 + 512 GB, e preços que variam de 5.999 Yuan (cerca de R$ 5.300) a 6.999 Yuan (aproimadamente R$ 6.200).