A Tesla aproveitou a madrugada desta sexta-feira (7) para atualizar o site oficial e aumentar os preços de alguns produtos, incluindo os carros elétricos mais vendidos da marca: o Model 3 e o Model Y. Agora, o veículo mais barato da montadora sai por US$ 39,5 mil (cerca de R$ 208 mil).

Esta é apenas uma pequena alta de valor dentre as várias que ocorreram recentemente. A Tesla sempre costuma ajustar os preços regularmente, mas nunca o fez com tanta frequência como tem feito em 2021.

publicidade
Tesla mais barato? Preços do Model 3 e Model Y registram alta. Imagem: vehiclesuggest.com/Reprodução
Tesla mais barato? Preços do Model 3 e Model Y registram alta. Imagem: vehiclesuggest.com/Reprodução

Com a recente mudança de preços, a Tesla já fez quatro aumentos em pouco mais de dois meses, ao todo.

Em fevereiro, a marca de Elon Musk alterou os preços do Model 3 e do Model Y, os deixando mais baratos. Um mês depois, o “baratinho” da Tesla teve um aumento. 30 dias depois, outra alta e, no fim de abril, a montadora elevou o custo de toda a linha.

Leia mais:

Confira os preços de todas as versões do Model 3, o “mais barato da Tesla”:

  • Tesla Model 3 Standard Range Plus: US$ 39,490
  • Tesla Model 3 Long Range AWD: US$ 48,490
  • Tesla Model 3 Performance: US$ 56,990

Com os aumentos, as versões Standard Range Plus e Long Range AWD da Tesla registram alta de US$ 500 no preço.

Conhecido por ser o “baratinho” da marca, a edição mais básica do Model 3 saiu de US$ 37 mil em fevereiro para US$ 39,5 mil agora, um acréscimo de US$ 2,5 mil em três meses.

Tesla Model 3. Imagem: Tesla/Divulgação
Tesla Model 3. Imagem: Tesla/Divulgação

Confira os preços de todas as versões do Model Y:

  • Tesla Model Y Long Range AWD: US$ 51,490
  • Tesla Model Y Performance: US$ 60,990

Os preços do Model Y também têm subido continuamente nos últimos meses. A última alteração nos preços afeta, novamente, a versão AWD, que teve um aumento de US$ 500.

Tesla Model Y. Imagem: TESLA/Divulgação
Tesla Model Y. Imagem: TESLA/Divulgação

A Tesla não se posicionou oficialmente sobre o porquê do aumento de preços.

Fonte: Electrek

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!