O simples fato de surgirem rumores sobre a contratação do craque argentino Lionel Messi, fato confirmado pelo Paris Saint-Germain nesta terça-feira (10), fez com que o interesse pela moeda digital do PSG disparasse nos últimos quatro dias.

Antes mesmo de entrar em campo, o clube francês, comandado pelo bilionário Nasser Al-Khelaifi, já colhe os frutos da negociação com o jogador. Até o momento, a criptomoeda do clube (um utility token da moeda digital Chiliz emitido na plataforma ‘Socios.com‘) já acumula alta de 145%.

publicidade

Após o anúncio do fim da chamada ‘Era Messi’ no Barcelona, confirmada na última quinta-feira (5), o token do PSG iniciou a sua curva de crescimento. Com novas especulações no último fim de semana e a imprensa francesa dando como certa a chegada do craque ao clube, a moeda digital já era cotada a US$ 24,89 na última sexta-feira (6). Em comparação, no domingo (8), esse valor já ultrapassava a casa dos US$ 41.

Já nesta segunda-feira (9), outro rumor de que o avião particular de Messi estava a caminho de Paris fez com que a criptomoeda do PSG superasse a marca de US$ 55.

Lionel Messi, da Argentina, segura o troféu ao comemorar com seus companheiros de equipe após derrotar o Brasil por 1 a 0 na final da Copa América
Lionel Messi, da Argentina, segura o troféu ao comemorar com seus companheiros de equipe após derrotar o Brasil por 1 a 0 na final da Copa América. Imagem: A.RICARDO/Shutterstock

Leia mais:

Lançado em junho de 2020, o token do PSG (que também é responsável pelos tokens de outros times, como o próprio Barcelona, a Juventus de Cristiano Ronaldo e muitos outros) dá aos seus proprietários a possibilidade de participar de algumas decisões do clube, promoções e acesso a conteúdos exclusivos.

Após o impasse que gerou a saída do atleta do clube catalão, as especulações sobre o futuro de Messi já indicavam uma proximidade maior com o time parisiense.

Vale ressaltar que o PSG tem investido pesado em marketing e na contratação de grandes nomes do futebol mundial nos últimos anos. Os principais exemplos antes da chegada de Messi foram Neymar e o francês Mbappé.

Com Messi no elenco, a expectativa geral é de que o clube atinja um novo patamar no futebol europeu, já que estamos falando de um jogador que já acumula seis bolas de ouro (eleito seis vezes o melhor do mundo). Sem contar que, fora de campo, Messi também possui uma legião fiel de fãs e seguidores.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!