A Apple registrou uma patente onde descreve um mecanismo típico de lente periscópio, que pode aparecer em alguma versão futura do iPhone. O componente passou a ser comum em smartphones Android como em lançamentos recentes da Motorola e Samsung, e é capaz de aproximar ainda mais o objeto fotografado sem perder qualidade com zoom digital.

Patente da Apple descreve lente periscópio (Imagem: divulgação/PatentlyApple)
Patente da Apple descreve lente periscópio (Imagem: divulgação/PatentlyApple)

Em um passado não muito distante algumas empresas apostaram em celulares com lente periscópio, como foi o caso do Zenfone Zoom. A ideia deste mecanismo é entregar ainda mais aproximação em um zoom apenas óptico, semelhante ao que existe em câmeras de máquinas fotográficas.

publicidade

Leia também

Lentes periscópio voltam aos celulares

Depois de alguns anos sem nenhum lançamento relevante com este recurso, essa ideia parece ter retornado ao mundo dos smartphones e a Apple resolveu registrar uma patente descrevendo exatamente essa função: uma lente periscópio em seu produto.

O desenho da patente exemplifica a ideia da empresa da maçã, onde dois prismas ficam instalados logo acima do sensor de imagem e no final de uma espécie de corredor. Neste local intermediário estão instaladas as lentes, em um grupo que pode ser movimentado para ajustar o foco.

Com a novidade instalada no dispositivo, o iPhone pode ser capaz de entregar uma aproximação ainda maior do que a atual de 2,5 vezes, presente nos modelos iPhone 12 Pro e Pro Max. Além de permitir uma fotografia mais distante, a qualidade da imagem também é beneficiada, já que o aparelho não estica os pixels da foto para criar zoom digital.

Não existem detalhes extras como a quantidade de zoom extra gerada, ou qual é o tamanho das lentes utilizadas no projeto, muito menos se o próximo iPhone já será o primeiro a trazer o recurso. Eu sinceramente acredito que não, ao menos não neste lançamento previsto para o mês que vem e nem no próximo celular criado pela empresa.

Via: Pocketnow.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!