As montadoras Honda, Yamaha, KTM e Piaggio anunciaram a criação de um consórcio de baterias intercambiáveis para seus futuros modelos de motocicletas movidas a eletricidade. O acordo entrou em vigor nesta segunda (06) e será a primeira vez em que quatro das maiores fabricantes mundiais do segmento compartilhem componentes deste tipo.

O acordo contemplará motocicletas elétricas e lambretas das quatro empresas, com acordo de desenvolvimento de tecnologia comum a todas as participantes. O consórcio também deve promover o padrão de baterias à nível internacional, para regulamentação por instituições de segurança europeias e dos Estados Unidos.

publicidade

O objetivo final do consórcio é, eventualmente, que o padrão de baterias intercambiáveis seja adotado como especificação comum no mundo todo. As empresas declararam estar abertas para aplicação da tecnologia por outras montadoras.

“A mobilidade urbana está passando por um momento delicado de transição para a eletrificação”, afirma a Líder de Estratégia e Produto da Piaggio, Michele Colannino. “Graças a esse consórcio as motocicletas manterão seus papéis-chave.”

Aposta do acordo está na difusão de elétricos em larga escala

O Chefe de Operações do setor de Motocicletas da Honda, Yoshishige Nomura, afirma que o consórcio de baterias com a Piaggio, a KTM e a Yamaha irá tornar as motos elétricas mais convenientes para o público. Ele acredita que a ênfase na emissão zero de carbono também favorecerá os veículos, visto que “o uso em larga escala pode contribuir substancialmente para uma sociedade mais sustentável.”

A aposta do consórcio para a implementação de um padrão de baterias pode dar certo, já que, produzidas com células de íon-lítio, pesam menos que as de automóveis — além de serem menores. A produção em massa tenderia a abaixar os custos, o que facilitaria para motociclistas recarregarem uma enquanto utiliza outra nos translados.

Via Reuters e Cnet

Imagem: Divulgação/Honda

Leia mais:

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!