Um novo jogo que “muda em tempo real”, de acordo com a localização do jogador ou o com o que ele ou ela está pensando. Essa é a ideia de designer e criador de games Hideo Kojima. Em entrevista ao site japonês An-an (via Kotaku), a mente por trás de ‘Metal Gear’ e ‘Death Stranding‘ falou sobre que tipo de títulos ele quer fazer a seguir – sem mencionar gêneros específicos, mas sim o conceito abrangente do futuro projeto.

“O que eu gostaria de fazer são jogos que mudem em tempo real”, declarou um dos poucos nomes no meio gamer que ainda pode se dar ao luxo de perseguir ideias pouco (ou nada) convencionais. “Mesmo que finalmente tenhamos pessoas de todas as idades e ocupações de todo o mundo jogando o mesmo game, isso ainda significa que todos, e eu digo todos mesmo, jogam a mesma experiência. Todas as vezes”.

publicidade

“Em vez disso, eu gostaria de algo que mudasse com base em onde a pessoa mora ou no que ela pensa”, explicou Kojima, ainda que de um jeito misterioso e vago. A lenda dos games ainda revelou que tem vontade de recuperar uma ideia parecida com a que ele experimentou em um antigo jogo dele para Game Boy Advance: ‘Gameboy Boktai: The Sun is in Your Hand’ (2003), que era acompanhado de um sensor que media a quantidade de luz solar em tempo real e dava poderes ao jogador para derrotar monstros e vampiros.

death stranding kojima
Norman Reedus e Hideo Kojima em evento de divulgação do jogo ‘Death Stranding’. Imagem: Instagram/Reprodução

“Como a quantidade de luz solar é aplicada no jogo para derrotar os vampiros, o jogo muda dependendo de onde você jogou e a que horas jogou”, explicou Kojima ao An-An. “[Busco para o futuro] uma mecânica como essa, que conecta sistemas feitos pelo homem e a vida real.”

Você poderia argumentar que os jogos de realidade aumentada, de certa forma, já fazem isso. A mecânica básica dos games não muda, mas os mapas sim – com base na localização geográfica do jogador, como acontece por exemplo em ‘Pokémon GO’ ou títulos similares.

No entanto, jogos não mudam realmente com base no pensamento (ainda). Embora muitos títulos por anos tenham oferecido decisões in-game que impactam a direção da trama, as mesmas podem parecer arbitrárias e até mesmo simplistas, ao contrário do pensamento humano – que geralmente é tudo, menos isso.

Leia mais:

Recentemente, Kojima já comentou que está trabalhando em um novo jogo (possivelmente um exclusivo de Xbox) após ‘Death Stranding’ e que os acontecimentos associados à pandemia de Covid-19 dos últimos anos têm provocado reflexões em seu processo criativo. Nenhum detalhe sobre o game, por ora, foi divulgado.

O “próximo lançamento” da Kojima Productions, ‘Death Stranding Director’s Cut‘, sai para PS4 (PlayStation 4) e PS5 (PlayStation 5) em 24 de setembro.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!