O Discord anunciou nesta quarta-feira (15) um aporte no valor de US$ 500 milhões (aproximadamente R$ 2,6 bilhões na conversão atual), que colocou a empresa em um patamar bilionário em termos de valor de mercado, alcançando a marca de US$ 15 bilhões.

Segundo informações da Bloomberg, a rodada foi liderada pelo grupo Dragoneer Investment, mas contou com apoio de outros fundos como Baillie Gifford & Co, Coatue Management, Fidelity Management & Research Co. e Franklin Templeton.

publicidade

Em comunicado, o presidente executivo do Discord, Jason Citron, disse que o montante será usado “para investir em novos recursos e ferramentas” e também expandir o número de funcionários da empresa.

Rede social Discord recebe alto investimento e atinge valor de mercado bilionário. Imagem: Konstantin Savusia/iStock
Discord recebe milhões em investimento e atinge valor de mercado bilionário. Imagem: Konstantin Savusia/iStock

Crescimento acelerado, mas com regras

O Discord nasceu com foco em jovens da geração Z e ganhou mercado ao habilitar ferramentas de conversação com foco na comunidade gamer.

A plataforma mistura um pouco de tudo que temos na internet hoje: voz, texto, vídeo, além do objetivo principal que é habilitar conversas entre amigos.

Hoje, a rede social tem objetivo de promover “todo o tipo de encontro” virtual, como define o próprio serviço, até mesmo envolvendo o mundo do trabalho e de estudos. 

Durante a pandemia da Covid-19, a plataforma deu um salto em número de usuários e hoje possui mais de 150 milhões de perfis ativos mensais.

Leia mais!

Em ritmo acelerado de ascensão – e já antecipando problemas que grande parte das redes sociais enfrentam quando crescem dramaticamente -, em julho deste ano o Discord comprou a Sentropy, startup de inteligência artificial que monitora redes online em busca de comportamento abusivo e assédio, além de oferecer aos usuários mecanismos para bloquear pessoas consideradas tóxicas e filtrar mensagens possivelmente ofensivas.

Crédito da imagem principal: Ink Drop/iStock

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!