Em um recurso há muito tempo solicitado, os organizadores de reuniões (ou co-anfitriões) do Google Meet ganharam um poder adicional: o de silenciar bloquear microfone e/ou câmera de qualquer participante.

O bloqueio é absoluto, e os participantes silenciados não podem ligar novamente a câmera ou microfone até liberados. Até a última atualização, o bloqueio era feito para todos os participantes, mas permitia que cada um se reconectasse.

publicidade

“Este recurso oferece aos organizadores de reuniões mais controle sobre suas reuniões, permitindo que decidam quando desejam permitir diferentes níveis de participação dos participantes, por exemplo, para lidar com participantes problemáticos”, afirma o Google no anúncio oficial do recurso.

Os bloqueios de áudio ou vídeo, bem como os bloqueios de bate-papo, também serão aplicados pelo GMeet às salas de sessão de grupo lançadas depois da inicial, fazendo silenciar os mesmos participantes. As alterações feitas nos bloqueios de uma sala não afetarão as configurações de outras salas.

Atualização obrigatória

O resultado não pode ser o mesmo com todas as pessoas. Os participantes que usam versões dos aplicativos Android e iOS que não oferecem suporte a bloqueios de áudio e vídeo serão removidos da reunião no momento em que o organizador (ou co-organizador) ativar os bloqueios.

Quem, após isso, tentar entrar novamente, receberá o aviso para atualizar o aplicativo ou usar outro dispositivo. Isso dura até o bloqueio ser ativado.

As versões mínimas com suporte para o recurso do Google Meet de silenciar são: Android: Android OS versão M ou mais recente iOS iOS versão 12 ou mais recente. O app Meet ou Gmail devem estar na versão mais atualizada

Via Google

Leia mais:

Já assistiu aos nossos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!