A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) encerrou a análise das propostas do leilão do 5G nesta sexta-feira (5). No entanto, o valor arrecadado pelo leilão não atingiu o total esperado pelo governo federal.

O evento arrecadou um montante de R$ 46,79 bilhões, mas o ministro das Comunicações, Fábio Faria, afirmou que esperava que o leilão do 5G movimentasse mais de R$ 50 bilhões. O valor será destinado para investimentos no setor de telecomunicações.

publicidade
Anatel entrega estudos do leilão 5G para o TCU. Imagem: Shutterstock
Leilão do 5G arrecada menos dinheiro que o esperado. Imagem: Shutterstock

Na última quinta-feira (4), Faria reforçou sua expectativa em um live ao lado do presidente Jair Bolsonaro. “Vai passar dos R$ 50 bilhões. Até amanhã, a gente tem esse número. É o maior leilão da história das telecomunicações da América Latina inteira. Isso mostra que o Brasil, quando quer trabalhar e fazer bem-feito, ele faz”, declarou o ministro na ocasião.

O valor arrecadado não irá totalmente para os cofres do governo federal. Parte do montante pago pelas vencedoras são parte do ágio, valor pago acima do preço mínimo de cada lote, e será transformado em novos compromissos de investimento, o que já estava previsto no edital.

“Não conseguimos dizer quanto vai para o Tesouro, podemos dizer apenas que R$ 7,4 bilhões é o valor de outorga, mas parte vai para o governo e parte para obrigação, vamos definir isso semana que vem”, informou o superintendente da Anatel e presidente da comissão de licitação do 5G, Abraão Balbino e Silva.

Leia também!

Acredita-se que o leilão do 5G não tenha atingido o valor esperado devido alguns lotes das faixas 26GHz, 3,5GHz e 2,3GHz não terem recebido lances. Apesar disso, Balbino e Silva acredita no sucesso do evento.

“Do total de lotes disponíveis, mais de 85% daquilo que foi colocado à venda foi comercializado. Basicamente, todas as obrigações de cobertura foram contratadas”, disse o executivo.

As vencedoras do lotes nacionais do 5G foram Claro, Vivo e Tim, se quiser entender melhor como funcionará a divisão, clique aqui e acompanhe a matéria completa.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!