As mortes por Covid-19 cresceram 5% na Europa durante a última semana, diz um relatório divulgado pela Organização Mundial da Saúde nesta quarta-feira (17). Os números no continente são maiores do que em qualquer outra região do mundo, com 230 óbitos por 100 mil habitantes.

Para efeito de comparação, na América, os óbitos causados pelo novo coronavírus caíram 3%. Já no sul e no leste da Ásia, incluindo a Índia, os casos mortais de covid-19 aumentaram em 1%. A África viu os casos subirem 3%.

publicidade

No total mundial, as mortes seguem estabilizadas, com cerca de 50 mil óbitos semanais. Os novos casos aumentaram 8% na Europa e na América e caíram 33% na África. Estados Unidos, Rússia, Alemanha, Reino Unido e Turquia apresentaram os maiores índices de novos casos da doença.

Covid-19 na Europa

Nesta quarta-feira (17), a chanceler Angela Merkel disse que a situação da Alemanha é dramática e fez um apelo para que mais pessoas adotem a vacina contra Covid-19 na Europa.

“Não é tarde demais para optar por uma primeira vacina”, disse Merkel a um congresso de prefeitos de cidades alemãs. “Todos que são vacinados se protegem e protegem os outros. E se um número suficiente de pessoas for vacinado, essa é a saída para a pandemia”, completou.

A preocupação com a Covid-19 na Europa não é de agora. Recentemente, o  diretor da OMS para a Europa, Hans Kluge, disse em coletiva que “estamos, mais uma vez, no epicentro”. Ele ainda destaca que com o ritmo atual podemos ter “outro meio milhão de mortes de Covid-19” em fevereiro.

A OMS ainda explicou que na Europa, as taxas de internação hospitalar foram maiores em países onde menos pessoas foram vacinadas contra a Covid-19. O órgão também destaca que o relaxamento das medidas de contenção estão contribuindo para o aumento de casos.

Leia também!

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!