A Bandai Namco, publicadora de Elden Ring, é a mais nova editora a doar uma alta quantia à Ucrânia em apoio ao país, que está em guerra com a Rússia. A desenvolvedora anunciou via Twitter o repasse de 780 mil euros (aproximadamente R$ 4,3 milhões na conversão atual) em prol das crianças afetadas pelo conflito na região. 

“O grupo Bandai Namco decidiu fazer uma doação de 100 milhões de ienes para o Save the Children em apoio a sua causa humanitária pelas pessoas afetadas pela crise na Ucrânia e que procuram refúgio fora do país”, escreveu a empresa. 

Recentemente, além da Bandai, a The Pokémon Company também anunciou uma doação de US$ 200 mil à Ucrânia (aproximadamente R$ 1 milhão na conversão atual), já a 11 Bit Studios, segundo o EuroGamer, prometeu redirecionar todas as receitas do jogo This War of Mine, acumuladas durante sete dias, para a Cruz Vermelha do país. 

Leia mais! 

publicidade

Na final de fevereiro o presidente russo, Vladimir Putin, autorizou uma operação militar no Leste Ucrânia que, segundo a agência de Direitos Humanos da ONU, já resultou em mais de cem mortes, incluindo crianças, além de centenas de feridos. 

Diversas companhias da indústria de videogames estão se movimentando em favor da Ucrânia. Enquanto algumas empresas compartilham mensagens de apoio e realizam doações, outras instituições fazem movimentações mais firmes, como a ESL, que decidiu banir as organizações russas de sua competição de CS:GO. 

Outras grandes empresas da indústria de games, como a CD Projekt, Microsoft, Take-Two Interactive, Ubisoft, Electronic Arts, Activision Blizzard e Bloober Team também anunciaram a suspensão de vendas na Rússia. 

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!