Novos estudos mostram que a maconha medicinal pode ser utilizada como uma alternativa para tratar dor crônica nas costas e artrite, dispensando o uso de outros medicamentos, como analgésicos.  

O cirurgião ortopédico e autor de um dos estudos, Asif Ilyas, apontou que diversos pacientes deixaram de fazer uso dos analgésicos depois de receberam a cannabis medicinal.  

publicidade

Leia também!

“Vimos uma diminuição em aproximadamente 40% do uso de opioides após o início da cannabis medicinal, com 37% a 38% dos pacientes descontinuando completamente o uso de opioides”, disse o médico.  

“Temos um grande número de pessoas que tomam opióides que estão sendo tratadas para dor crônica nas costas”, disse o cirurgião ortopédico, Stuart Fischer, ao ressaltar que diversas pessoas nos Estados Unidos fazem uso dos medicamentos de maneira exagerada.  

“Se pudéssemos mover essa população para algo mais seguro, mas igualmente eficaz, faríamos muito bem”, concluiu. Os 186 voluntários do estudo foram aconselhados a utilizar a maconha medicinal da forma que quisessem, alguns vaporizaram ou fumaram, enquanto outros usaram métodos comestíveis.  

Maconha
Maconha pode ser alternativa para tratar artrite e dor nas costas. Créditos: Jan Fries/Getty Images

“Um dos maiores problemas centrais com os opióides é o vício e a necessidade de dosagens mais altas para alcançar os mesmos resultados”, disse Ilyas. “Com base em nossa compreensão atual da cannabis medicinal, você não precisa aumentar as doses para obter os mesmos resultados e ainda não estamos vendo nenhuma qualidade viciante nela”. 

“Obviamente, esses estudos são iniciais. A maconha medicinal não está em uso público há tanto tempo, então precisamos de mais dados e precisamos de mais estudos. Precisamos de mais informações”. 

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!