Se antes da compra do Twitter as especulações já existiam, agora elas estão mais intensas e com um foco diferenciado: será que Elon Musk realmente pagará os US$ 44 bilhões prometidos ou tudo não é fruto de um blefe? Afinal, se o CEO da Tesla e da SpaceX desistir do negócio, certamente o valor de venda diminuirá.

O alerta foi emitido nesta segunda-feira (9) pela empresa de pesquisa de investimentos, Hindenburg Research. Segundo a análise dos especialistas, Musk tem todas as cartas na mão. Seria um Royal Straight Flush? Essa é a maior jogada do poker e aparece apenas uma vez a cada 649.739 mãos. Estaria ele jogando com o mercado como sempre fez em vários momentos ao longo de sua trajetória bem-sucedida?

publicidade

Valor do Twitter pode cair pela metade 

Segundo a análise da Hindenburg Research, se a oferta de Musk desaparecer e não fazer mais parte do negócio, o valor do Twitter cairia 50% em relação aos níveis atuais. 

Elon Musk disputa com Jeff BEzos o título de homem mais rico do mundo
E agora, José? Será que oferta de US$ 44 bilhões pelo Twitter foi um blefe de Musk? Há alertas no mercado nesse sentido. Imagem: Shutterstock

“Consequentemente, vemos um risco significativo de que o negócio seja revalorizado mais baixo”, informa a empresa em nota. 

Leia mais:

Twitter não se pronuncia 

Ao ser procurado sobre essa possível atitude, o Twitter preferiu não comentar o assunto. Entre os motivos que podem incentivar a reavaliação da compra pelo homem mais rico do mundo estaria a queda no valor das ações do microblog. 

 As ações da rede social caíram, nos últimos dias, cerca de 4%, atingindo o valor de  US$ 47,76 por papel. Trata-se do nível mais baixo desde que Musk fez sua oferta de US$ 54,20 por ação em abril, em uma oferta que dificilmente seria recusada. 

A recusa da oferta pode ser uma prerrogativa do acordo por meio do pagamento de uma taxa de separação na ordem de US$ 1 bilhão, ou seja, a renegociação não está descartada.    

No entanto, Musk é visionário e dificilmente tomaria uma atitude nesse sentido. Pelo menos essa é a opinião de Angelo Zino, analista da CFRA Research. 

“Tudo indica que o negócio será fechado pelo preço de oferta declarado, exceto se Musk mudar de ideia”. E agora, será que ele muda de ideia? 

Via: Reuters

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!