O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, afirmou nesta quarta-feira (14), durante coletiva de imprensa, que o fim da pandemia já “está à vista”, citando que, desde a semana passada, o número de casos de Covid-19 caiu ao menor nível desde março de 2020, início do cenário pandêmico. 

“Nunca estivemos em melhor posição para acabar com a pandemia”, disse o diretor. 

Apesar da declaração, no entanto, o gestor ressaltou que para que o cenário favorável permaneça e evolua governos devem manter ações e protocolos para evitar que a oportunidade de controlar o vírus seja perdida. 

Tedros Adhanom, diretor-geral da Organização Mundial da Saúde
Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS). Imagem: Naresh111/Shutterstock

“Podemos ver a linha de chegada. Estamos em uma posição vencedora… [mas] se não aproveitarmos esta oportunidade agora, corremos o risco de mais variantes, mais mortes, mais interrupções e mais incertezas”, salientou. 

publicidade

De acordo com informações da AFP e Estadão Conteúdo, entre as medidas citadas por Tedros está a necessidade da vacinação completa dos grupos de maior risco e um mínimo de 70% na cobertura vacinal geral (de toda população).

O representante da OMS também destacou a importância de outros países continuarem compartilhando pesquisas a respeito do coronavírus, como sequenciamentos de genomas, sendo essa uma forma de “entender melhor como o vírus está evoluindo”. 

Leia mais! 

Na terça-feira (13), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, também participou de uma coletiva de imprensa e deu declarações que corroboram com a perspectiva da OMS. De acordo com o gestor, a situação epidemiológica está controlada, com menos de 100 mortes diárias. “[E] vamos trabalhar para reduzir ainda mais essa situação.”  

“Fortalecer o sistema de saúde, deixar o SUS mais forte e resiliente é o grande legado dessa emergência de saúde pública de importância nacional”, adicionou Queiroga, se referindo ao legado da pandemia.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!