A Amazon confirmou na última semana um investimento de mais de 1 bilhão de euros nos próximos cinco anos apenas em veículos elétricos. O cheque equivale a mais de R$ 5 bilhões e triplicará a frota de vans a bateria da varejista em solo europeu, de 3 mil para 10 mil unidades até 2025.

A ideia também é estimular a inovação no setor de transporte e contribuir para o avanço da infraestrutura com milhares de carregadores para EVs nas instalações da Amazon no Velho Continente.

Van elétrica da Rivian
Van elétrica da Amazon. Imagem: Rivian/Divulgação

A informação foi divulgada pela Reuters neste domingo (9). Além das vans, a empresa diz que planeja comprar mais de 1,5 mil caminhões elétricos como os Tesla Semi nos próximos anos para transportar remessas pesadas dos portos até os armazéns.

Veja também:

publicidade

A gigante do varejo também vai duplicar os pontos de transporte de micromobilidade, hoje presentes em 20 cidades. Esses hubs operam com novos métodos de entrega como as bicicletas elétricas, por exemplo.

Vale lembrar que o maior pedido de veículos elétricos da Amazon foi de 100 mil unidades de vans fabricadas pela Rivian, que também devem começar a operar até 2025. 

A Amazon, no entanto, não está apenas encomendando veículos da Rivian dessa vez. Segundo o Electrek, a Mercedes-Benz , Lion Electric e Volvo também foram procuradas pela empresa. 

A meta da companhia é zerar a emissão de carbono líquido até 2040. Suas vans a bateria entregaram 100 milhões de pacotes em 2021.

Imagem principal: Rivian/Divulgação

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!