O Twitter está recebendo algumas alterações do seu novo CEO Elon Musk e muitas pessoas não estão satisfeitas com as polêmicas que cercam a rede. Enquanto isso, novas empresas aproveitam a situação para promover suas plataformas e uma delas é a Hive.

Diferentemente de opções como o Koo, Mastodon e o Post, a Hive não é uma rede social que procura ser, de fato, um novo Twitter. A plataforma até possui algumas ferramentas semelhantes, mas também traz outros recursos que têm inspiração em outra mídia: o Instagram.

Imagem: Reprodução/Hive
Imagem: Reprodução/Hive

Apesar de ser uma plataforma recente, a Hive chamou a atenção de alguns usuários pela simplicidade no momento que é necessário criar uma conta – com a opção de usar a conta do Google. Além disso, após selecionar o nome de usuário, a rede permite selecionar os assuntos de interesse para aparecerem na linha do tempo, como tecnologia, esportes ou videogames, por exemplo.

Com isso, a Hive torna prática a visualização de conteúdo pelo feed: basta abrir o app, selecionar os assuntos e todas as postagens relacionadas imediatamente vão aparecer pela linha do tempo. Ao mesmo tempo, o usuário também pode personalizar gradualmente sua página inicial e seguir outras pessoas – assim como o Twitter.

publicidade
Imagem: Reprodução/Hive
Imagem: Reprodução/Hive

No entanto, a nova rede social também é uma opção para os usuários que estão infelizes com o Instagram, já que as fotos e conteúdos multimídia possuem um papel preponderante na Hive. Adicionalmente, a plataforma apresenta uma funcionalidade que traz a reprodução de uma música ou vídeo ao abrir o perfil de um usuário.

Leia também:

Após ganhar repercussão pelo Twitter, a Hive apareceu nos trending topics da plataforma e muitas pessoas começaram a testar a rede social. Em apenas três dias, o app passou de 40 mil para 800 mil usuários e chegou a causar instabilidades no sistema da versão web.

Outras pessoas também relataram que a versão do Hive para Android também possui alguns problemas, como uma quantidade considerável de ‘bugs’. Até o momento, não há compatibilidade da plataforma com dispositivos iOS.

Informações via El Español

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!