A partir desta quinta-feira (1º), os usuários do Teams podem usar o Microsoft Designer, que está em pré-visualização no Windows 11, diretamente no aplicativo. Essa ferramenta é semelhante ao Canva e usa a IA (inteligência artificial) da Microsoft para gerar designs para pôsteres, apresentações e cartões postais, por exemplo.

Para quem tem pressa:

  • O Microsoft Designer vai integrar o Teams;
  • Ferramenta é semelhante ao Canva, mas usa IA e aceita solicitações por texto ou upload de imagens mas gerar templates e designs;
  • Com a mudança, vai dar para gerar “artes” de pôsteres, apresentações e cartões postais, por exemplo, diretamente no Teams;
  • Atualmente, o Designer no Teams está em pré-visualização no Windows 11, mas deve chegar, pelo menos, para Windows 10 e macOS.

Só que, diferente do Canva, a ferramenta aceita solicitações de texto ou imagens carregadas e aproveita o Dall-E 2 (IA de conversão de texto em imagem da OpenAI) para criar designs – com menus suspensos e caixas de texto para personalização.

publicidade

Leia mais:

A ferramenta ‘estilo Canva’ da Microsoft

O Designer, que também está disponível na web e na barra lateral do navegador Edge, foi anunciado originalmente em outubro de 2022. Novos recursos – entre eles, geração de legendas e animações – chegaram em abril. E a Microsoft prometeu mais, com recursos avançados de edição a caminho.

publicidade

O objetivo final da Microsoft é monetizar o Designer por meio de assinaturas pessoais e familiares do Microsoft 365. Mas a empresa não explicou exatamente até onde os preços podem chegar.

No entanto, a companhia disse que algumas das funcionalidades da ferramenta permanecerão gratuitas. Quais funcionalidades? Bom, ainda é uma incógnita.

publicidade

Outros updates para o Teams

Ilustração com captura de tela do Teams da Microsoft
(Imagem: Divulgação/Microsoft)

As demais atualizações anunciadas pela Microsoft nesta quinta para o Teams têm menos a ver com IA.

Para começar, os usuários do GroupMe, o aplicativo gratuito de mensagens em grupo da Microsoft, podem criar chamadas do Teams a partir de qualquer bate-papo em grupo (novo ou existente) no programa.

publicidade

Além disso, a partir desta semana o recurso de comunidades do Teams – que permite que os usuários se conectem, compartilhem e colaborem em grupos de forma semelhante ao Discord – funciona no Windows 11, além de ter compatibilidade para Windows 10 e macOS.

Assim como nas comunidades do Teams em outras plataformas, os usuários do Windows 11 podem criar comunidades, hospedar eventos, moderar conteúdo e receber notificações sobre eventos e atividades futuras.

Ilustração digital mostrando recursos do Teams, da Microsoft
(Imagem: Divulgação/Microsoft)

Um novo recurso de descoberta de comunidades, definido para ser lançado nos próximos dias no Windows 11, iOS e Android, permite que os usuários do Teams participem de comunidades focadas em tópicos, por exemplo: criação de filhos, jogos, jardinagem, tecnologia e trabalho remoto. Aliás, cabe aos proprietários de comunidades no iOS e Android permitir que suas comunidades sejam descobertas no Teams, segundo a Microsoft.

Os proprietários podem aprovar ou rejeitar solicitações para ingressar em suas comunidades e atribuir controles de proprietário a outras pessoas no grupo, bem como criar enquetes por meio de MSForms e compartilhar postagens como e-mails, se quiserem.

Num update relacionado, os membros da comunidade Teams agora podem gravar vídeos de seus dispositivos móveis usando uma nova experiência de captura com filtros atualizados e ferramentas de marcação.

No iOS, os proprietários da comunidade podem digitalizar e convidar e-mails ou números de telefone de um documento online, folha de papel ou outro tipo de lista usando a câmera do telefone.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!