No mundo do cinema atual, os avanços tecnológicos revolucionaram a experiência cinematográfica, oferecendo aos espectadores opções como 4DX, IMAX, Macro XE e XD. Cada uma dessas tecnologias proporciona distintas sensações e imersões.

A seguir, exploraremos as principais diferenças entre essas inovações.

Leia mais!

4DX, IMAX, Macro XE e XD: Quais as diferenças?

Antecipadamente, as distinções são que os cinemas 4DX focam em proporcionar uma exibição altamente imersiva e interativa, em que as salas de cinema estão equipadas com diversos efeitos ambientais. 

publicidade

O IMAX apresenta telas enormes e curvadas, oferecendo projeção de áudio e som significativamente superiores às salas convencionais, com imagens nítidas e detalhadas. 

Por sua vez, o Macro XE da Cinépolis e o XD do Cinemark propõem experiências mais intensamente imersivas em comparação com as exibições regulares dessas redes de cinema.

Se você quer saber mais detalhes sobre cada tecnologia, confira abaixo.

4DX 

Sala de cinema 4DX – Cineworld Feltham / Crédito: Cineworld

O 4DX (Four-Dimensional Experience) é uma tecnologia que proporciona uma experiência de entretenimento mais imersiva e interativa durante a exibição de filmes. Os assentos são especialmente projetados com mecanismos que se movem sincronizadamente com as ações na tela, incluindo inclinação, balanço, vibração e solavancos suaves. 

Além disso, o 4DX incorpora efeitos ambientais, como ventos simulados, jatos de ar, neblina, respingos de água e aromas específicos, criando uma sensação realista do filme. 

A iluminação da sala de cinema também é ajustada em sincronia com as cenas, intensificando a atmosfera da narrativa. 

Os sistemas e equipamentos específicos na sala de projeção controlam essa experiência imersiva. Computadores controlam os movimentos das cadeiras, enquanto dispositivos especiais acionados automaticamente produzem os efeitos atmosféricos conforme o filme é exibido.

IMAX

Sala de cinema IMAX (reprodução)

O IMAX (Image Maximum) é um formato de projeção cinematográfica conhecido por proporcionar uma experiência visual e sonora imersiva. As projeções são significativamente maiores do que as tradicionais, medindo cerca de 22 metros de largura e 16 metros de altura. Essa tela curva preenche completamente o campo de visão do espectador, criando uma experiência visual panorâmica. 

O IMAX utiliza uma película especial de quadro 70 mm, que permite uma resolução de imagem muito maior. Desse modo, resulta em cenas mais nítidas e detalhadas. A combinação da tela gigante com essa tecnologia de projeção oferece uma experiência de alto nível. 

Os cinemas IMAX também empregam sistemas de áudio avançados, como o Dolby Atmos, para criar um áudio surround imersivo.

Macro XE

Sala MACRO XE no Cinepolis / Crédito: CInepolis (reprodução)

Tecnologia da rede Cinépolis, as salas MACRO XE têm como foco proporcionar uma projeção visual e sonora hiper imersiva. Com o uso de tecnologia de ponta, essas salas proporcionam uma experiência audiovisual potente e altamente estimulante aos sentidos do espectador.

As salas MACRO XE são equipadas com um sistema de som digital de 13.000 watts de potência, garantindo uma reprodução de áudio clara e poderosa. Além disso, contam com uma gigantesca tela de alta definição que proporciona imagens nítidas e vívidas.

Essa tecnologia suporta projeções de filmes em 2D e em 3D.

XD

Sala XD no Cinemark / Crédito: cinemark (reprodução)

A rede Cinemark busca proporcionar uma experiência cinematográfica aprimorada em relação aos cinemas convencionais através das salas XD.

As telas XD não são tão grandes quanto as das salas IMAX, mas ainda ampliam o tamanho em 40% em comparação com as salas convencionais, possibilitando uma visualização mais imersiva.

Os cinemas XD equipam-se com sistemas de som aprimorados, 7x mais potentes que as salas convencionais.

Além da tecnologia de projeção e som, os cinemas XD geralmente oferecem assentos confortáveis para garantir que os espectadores desfrutem do filme com comodidade.

As exibições nas salas XD também podem ser em 2D ou em 3D.

Já assistiu aos novos vídeos no YouTube do Olhar Digital? Inscreva-se no canal!