Um eclipse é sempre um evento científico raro e de proporções gigantescas, literalmente levando milhares de pessoas a olharem para os céus e verem o fenômeno. Recentemente, tivemos um eclipse anular que pôde ser presenciado em diversas regiões do país, porém, muita gente não conseguiu observar o acontecimento e já ficaram ansiosos para saber quando seria o próximo eclipse solar no Brasil! Veja conosco quando acontecerá esse evento novamente e quais as melhores práticas para você poder observá-lo com o menor risco possível!

Leia também:

O próximo eclipse solar no Brasil

Apesar de ser visto em todo o país, moradores da região norte e nordeste do Brasil puderam presenciar de camarote no dia 14 de outubro o eclipse solar anular, que se tornou um verdadeiro evento e captando a atenção de milhares de pessoas, mas para quem perdeu a oportunidade de observá-lo, terá que esperar um pouco, já que o próximo eclipse solar no Brasil ocorrerá somente daqui a 5 anos, em 26 de janeiro de 2028, podendo ser visto completamente nos estados do Amazonas, Pará e Amapá, e de forma parcial nos demais estados

Porém, antes disso, em 2 de outubro de 2024, ocorrerá um eclipse solar anular como o que aconteceu por aqui, que poderá ser visto completamente no Chile e na Argentina e será observado um eclipse parcial nas regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e sul da Bahia, diferente do fenômeno completo desse ano.

publicidade

Como observar um eclipse?

1. Proteção para os olhos

A primeira regra para observar um eclipse solar é nunca olhar diretamente para o Sol sem proteção. Fazer isso pode causar danos graves e permanentes aos olhos. A maneira mais segura de observar um eclipse é usar óculos de proteção solar certificados. Esses óculos têm filtros especiais que bloqueiam os raios nocivos do Sol, permitindo que você veja o eclipse com segurança. Certifique-se de adquirir óculos de eclipse solar de fontes confiáveis e que atendam aos padrões de segurança.

2. Filtros solares para telescópios e binóculos

Se você deseja uma visão mais ampla e detalhada de um eclipse solar, pode usar telescópios ou binóculos com filtros solares apropriados. Esses filtros são projetados para proteger suas lentes e seus olhos. Novamente, é fundamental garantir que você esteja usando filtros solares de alta qualidade e compatíveis com seus equipamentos.

3. Projeção de imagem

Uma alternativa segura para observar um eclipse solar é projetar uma imagem do Sol em uma superfície. Para fazer isso, você precisará de um pedaço de papel branco ou uma tela e um telescópio ou binóculos. Aponte o telescópio ou binóculos para o Sol e projete a imagem resultante em uma superfície plana. Isso permitirá que várias pessoas observem o eclipse ao mesmo tempo.

Fenômeno eclipse solar
Imagem: Pixabay

4. Observatórios e eventos locais

Muitas cidades e observatórios realizam eventos públicos para a observação de eclipses solares. Esses locais geralmente possuem telescópios equipados com filtros solares e fornecem orientação especializada sobre como aproveitar o eclipse com segurança. Verifique se há algum evento programado em sua região e participe para uma experiência mais educativa e social.

5. Fotografia do eclipse

A fotografia de um eclipse solar é uma maneira emocionante de capturar esse evento. No entanto, fotografar um eclipse também requer precauções especiais. Use filtros solares na lente de sua câmera e, se possível, consulte um fotógrafo experiente em astrofotografia para obter dicas sobre as melhores configurações e técnicas.

Você já recebeu as dicas necessárias para realizar uma boa observação de um dos fenômenos mais fascinantes da Terra e que pode ser acompanhado sem muitas dificuldades para ter uma experiência incrível e também já sabe quando será o próximo eclipse solar no Brasil, então já marque na sua agenda e se prepare para vivenciar o momento.