A inteligência artificial pode ajudar humanos em tarefas diárias, mas ainda é confusa e deve demorar mais de 50 anos para alcançar a capacidade humana. Isso é o que prevê o fundador da Wikipedia, Jimmy Wales, que hoje é um dos principais sites usados para treinar a IA. O executivo ainda falou sobre o uso da tecnologia para alimentar a página e sobre a briga com Elon Musk, que levou ao lançamento de uma nova rede social.

Leia mais:

IA super-humana

Wales, em entrevista ao site Euronews Next, relatou que a experiência de usar o ChatGPT-4 para produzir artigos para a Wikipedia atualmente é uma “bagunça”, “terrível” e “não funciona de jeito nenhum”. Segundo ele, a IA erra, deixa passar diversas informações e até inventa fontes.

Isso o faz acreditar que uma tecnologia super-humana, que alcance ou ultrapasse as capacidades de uma pessoa real, deva demorar pelo menos 50 anos para existir.

publicidade

Ele não nega que isso pode acontecer em um futuro, mas defende que é mais provável que a IA continue apoiando os humanos em tarefas diárias e intelectuais, mesmo ainda estando em uma “fase inicial”.

Jimmy Wales ainda comentou o caso da OpenAI, que demitiu o CEO Sam Altman e o substituiu duas vezes por CEOs interinos para, menos de uma semana depois, recontratá-lo. O Olhar Digital falou sobre o caso aqui. O executivo da Wikipedia disse que o ocorrido é preocupante, mas que deve servir de alerta para empresas do setor em como pensar governança e estabilidade nas decisões.

Jimmy Wales acredita que a IA ainda esteja em fases iniciais (Foto: Zachary McCune / Wikimedia Foundation)

Wikipedia vs. IA

  • Sobre o uso da IA na Wikipedia, Wales não o descartou totalmente, mas tem ressalvas. Ele criticou a tecnologia na hora de escrever anúncios do zero, mas disse que ela pode apoiar na hora de encontrar erros ou corrigir imprecisões.
  • O principal motivo pelo qual não estaria usando a IA amplamente no site é porque os algoritmos são feitos por outra pessoa e podem, por exemplo, disseminar preconceitos inerentes ao seu treinamento.
  • De acordo com Jimmy Wales, a Wikipedia conta com uma equipe de editores que conseguem diferenciar informações falsas e combater alguns preconceitos na hora de escrever um texto.
  • Isso é importante porque o site é usado como fonte de treinamento para diversas IAs e, se o texto base da Wikipedia disseminar algum tipo de desinformação ou preconceito, ele pode ser incorporados nessas tecnologias, que podem disseminá-las em um contexto ainda maior.
Ilustração de perfil de rosto feita com linhas de códigos de programação para representar conceito de IA
Inteligencia super-humana ainda demorará mais de meio século, segundo avaliação do fundador da Wikipedia (Imagem: Yuichiro Chino/Shutterstock)

Soluções?

O fundador da Wikipedia não chegou a apresentar soluções, mas revelou que considera criar uma empresa de IA de código aberto que pudesse ser usada gratuitamente e atender aos princípios da Wikipedia.

Ele disse que não há nada em andamento, mas que está aberto a parcerias e ideias para corroborar com os objetivos do site.

Na entrevista, Wales ainda comentou a briga com Musk, que o desafiou a mudar o nome de Wikipedia para “Dickipedia” por US$ 1 bilhão, após o fundador dizer que a demissão das equipes de moderação do X/Twitter teriam tornado a plataforma um ambiente cheio de preconceitos e, por isso, perdeu anunciantes.

Ele revelou que os dois são “amigáveis” e, na semana passada, durante o evento Web Summit, anunciou uma versão beta de sua rede social própria, chamada Trust Cafe. Ela funciona como uma mistura de X e Reddit, mas dá poder apenas para “usuários confiáveis” se manifestarem.