A popularidade de filtros de envelhecimento em aplicativos de mídia social, como TikTok, tem permitido às pessoas visualizarem como seriam no futuro.

O filtro de “viagem no tempo” do TikTok é considerado o mais preciso em retratar como uma pessoa envelheceria, levando em consideração detalhes, como textura da pele e posição dos músculos.

Leia mais:

Não é novo

  • A filtragem artificial do envelhecimento já existe há anos, com aplicativos, como Snapchat e FaceApp oferecendo versões populares em 2019;
  • O uso desses filtros pode evocar emoções tanto positivas quanto negativas nas pessoas. Alguns se sentem deprimidos ao verem seu rosto envelhecer, enquanto outros sentem gratidão pelos momentos vividos e pelos seus entes queridos mais velhos.

Um desses casos é Xavier Wilson, jovem de 17 anos de Los Angeles (EUA), que disse ao The Washington Post que “eu odiei. Eu parecia todo desgastado.”

publicidade

@draleksandrabrown

I’ll take this over the alternative. ✨If you want to age gracefully, I recommend daily sunscreen and nightly retinol. ✨This process is normal #aging #dermatologist #agingfilter #retinol #sunscreen #timetravel

♬ where is my mind (piano version) – your movie soundtrack

A dermatologista certificada Aleksandra Brown disse que o filtro de viagem no tempo do TikTok é o mais preciso que ela já viu para adivinhar como um determinado rosto envelheceria, incluindo detalhes como textura da pele e posições musculares.

Porém, Brown disse que viu ao menos quatro pessoas chorarem após usarem o filtro, incluindo ela mesma e um amigo. Ela se sentiu sobrecarregada ao ver a si mesma envelhecer 50 anos em 15 segundos e pensou: “será que a vida poderia realmente passar tão rápido?”

Mais tarde, Brown e seus colegas de trabalho choraram juntos depois que Brown mostrou o efeito do envelhecimento em sua própria filha. Ela ressaltou ainda que não viverá para ver a filha envelhecer tanto.

Contudo, há aqueles que acham a ferramenta positiva. O ator Jonathan Bennett compartilhou vídeo dizendo que seu rosto filtrado evocou memórias felizes de seu falecido pai.

@jonathandbennett

This made me so emotional, it was like I was seeing my Dad again. I miss him so much this was unexpected, and made me so happy.

♬ original sound – Johnny Sibilly

Nicole Loehle, jovem de 24 anos de Nova Jersey (EUA), testou o efeito com seu namorado. Isso lhe deu nova perspectiva, segundo ela, pois ela pôde imaginar o relacionamento durando até a velhice.

Isso mostra como poderíamos ser, mas, obviamente, não mostra todos os marcos que poderíamos atingir nessas diferentes idades.

Nicole Loehle, em entrevista ao The Washington Post

@nicoleloehle

Trying out the aging filter as a couple is just knowing what you’ll look like as you grow old together☺️❤️ #timetravelfilter #time_travel #timetravels #travelfilter #growingoldtogether #growoldtogether♥️

♬ Little Life – Cordelia

Filtros de envelhecimento e a indústria cosmética

Por outro lado, o uso de filtros de envelhecimento também pode impulsionar a indústria cosmética e de cuidados com a pele, presenteando os consumidores cada vez mais jovens com conteúdo relacionado ao “anti-envelhecimento”.

Nessa toada, conteúdos e criadores “antienvelhecimento” explodiram no aplicativo, com empresas de cosméticos visando consumidores cada vez mais jovens.

Contudo, há quem critique influenciadores infantis que promovem maquiagem e cuidados com a pele. Ainda, conceitos da moda, como “pele de vidro” (tez brilhante e sem poros) e “Botox para bebês” (injeções antirrugas para pessoas que ainda não têm rugas) alcançam novos públicos no TikTok.

Loehle, por exemplo, tem problemas com acne. Sendo assim, está familiarizada como um vídeo da rede social chinesa pode deixá-la ansiosa para comprar novos produtos para a pele.

Segundo a garota, ela encomendou produtos para a pele promovidos por influenciadores, mas que ao menos para ela, não surtiram efeito. Em alguns casos, ela descobriu que o influenciador estava usando filtro para suavizar o rosto. Filtros envelhecidos podem levar a mais do mesmo se ela não estiver atenta, afirmou a jovem.

“Continuo tentando reformular o envelhecimento como uma dádiva”, disse Loehle. “Algumas pessoas não envelhecem, infelizmente.”