Limpar a cabeça é um hábito tradicional da higiene do corpo, assim como tomar dois ou mais banhos por dia para o padrão de limpeza brasileiro. Contudo, a maioria das pessoas de cabelo longo acredita que faz mal enxaguar o couro cabeludo todos os dias. Este hábito contribui para o excesso de oleosidade? Reunimos algumas informações para informá-lo. A seguir, descubra se lavar o cabelo todos os dias faz mal.

Leia mais:

Lavar o cabelo todos os dias faz mal?

mulher mostrando cabelo
Reprodução: Averie Woodard/Unsplash

O couro cabeludo é feito de pele, a qual deve ser higienizada regularmente, assim como lavamos o restante do corpo. Dito isso, os dermatologistas indicam que lavar o cabelo todos os dias não faz mal à saúde; pelo menos, não de forma geral.

Para a maioria das pessoas, tenham elas cabelos curtos ou longos, devem higienizar o couro cabeludo pelo menos uma vez ao dia com um shampoo adequado às suas necessidades. No caso de uma pessoa com uma rotina mais agitada, por causa de um treino na academia, por exemplo, é possível lavar até mais de uma vez por dia. Isso porque a higienização correta previne o acúmulo de sujeira no couro cabeludo, o que poderia provocar problemas como odores desagradáveis, excesso de oleosidade, coceira, e até caspas.

publicidade

Desta forma, o shampoo deve ser aplicado no couro cabeludo já úmido e massageado delicadamente com os dedos: não deve ser arrastado para o prolongamento dos fios, já que a espuma que escorre durante o enxágue é o suficiente para lavá-los. Saber disso é importante porque o shampoo foi feito para o couro cabeludo e não para os fios.

Então, por que as pessoas acham que lavar o cabelo faz mal? Isso depende muito da forma como o cabelo é higienizado. O uso da água quente, por exemplo, tende a danificar os fios; o mesmo vale para quem arrasta o shampoo pelo cabelo ao invés de focá-lo apenas no couro cabeludo. Além disso, a fórmula de alguns shampoos também pode contribuir para o ressecamento: produtos com sulfatos agressivos e com ausência de ativos hidratantes tendem a ressecar o cabelo com muita facilidade.

A recomendação dos dermatologistas é que se o couro cabeludo possui um comportamento “normal” ou produz muito óleo, o ideal é sempre lavá-lo, ao menos, uma vez ao dia, todos os dias. O mesmo vale para quem possui algumas doenças de cabelo, embora shampoos especiais, prescritos pelo médico, sejam mais recomendados.

A única exceção para esta regra é caso o couro cabeludo apresente extremo ressecamento durante a lavagem diária. Neste caso, é indicado conversar com um dermatologista para averiguar se o problema é uma condição de saúde (como doenças) ou uma reação adversa a um shampoo específico.