A Stellantis é a mais nova montadora a anunciar que irá usar o padrão de recarga de veículos elétricos da Tesla. A empresa controla marcas famosas como Fiat, Chrysler, Jeep, Ram, Peugeot e Dodge. A novidade ficará disponível para os motoristas em 2025.

Leia mais

Durante o período de transição, a Stellantis prometeu disponibilizar adaptadores para os clientes que possuem veículos elétricos não compatíveis com a rede Supercharger da Tesla. A partir de algum momento em 2025, ainda segundo a empresa, os motoristas passarão a contar com o plugue SAE J3400, também conhecido como Padrão de Carregamento Norte-Americano.

Além de facilitar o processo de recargas dos veículos, a iniciativa deve promover uma busca maior por carros elétricos da montadora. Isso porque a falta de estrutura para o carregamento dos elétricos é apontada como um dos maiores obstáculos para o crescimento do setor.

publicidade

A Stellantis, juntamente com BMW, GM, Honda, Hyundai, Kia e Mercedes-Benz, está envolvida em uma joint venture para instalar estações de carregamento rápido de veículos elétricos ao longo das principais rodovias e em cidades dos Estados Unidos. De acordo com a empresa, essas futuras estações de carregamento também contarão com o padrão da Tesla. As informações são da The Verge.

tesla
Várias montadoras anunciaram que passarão a utilizar a rede Supercharger da Tesla (Imagem: Ingrid Maasik/Shutterstock)

Sistema de recarga da Tesla

  • A adoção do Padrão de Carregamento Norte-Americano segue uma tendência crescente na indústria automobilística.
  • Grandes fabricantes como GM, Ford, Volvo, Polestar, MercedesHondaBMWVolkswagen e Lucid também já confirmaram que irão usar a rede da Tesla nos próximos anos.
  • Isso significa que a frota de veículos que usarão este sistema continua aumentando, o que vai facilitar o carregamento dos elétricos e aumentar o interesse de novos compradores, uma vez que a questão da recarga dos veículos é justamente uma das maiores preocupações de quem ainda usa os carros com motor a combustão.
  • Além disso, empresas de infraestrutura de carregamento, como a ChargePoint e a Electrify America, estão se adaptando ao NACS para oferecer conectores nas estações até 2025.
  • Atualmente, a rede Supercharger da Tesla possui mais de 15 mil estações em toda a América do Norte.