Conforme noticiado pelo Olhar Digital, a NASA criou um habitat impresso em 3D para simular a vida em Marte. Agora, a agência acaba de anunciar que estão abertas as inscrições para a seletiva que vai escolher os quatro membros da segunda missão análoga ao Planeta Vermelho nessa instalação, que fica no Centro Espacial Johnson, em Houston, no estado norte-americano do Texas.

Iniciada em junho do ano passado, a primeira expedição ainda está em andamento, com previsão de acabar em 6 de julho. O grupo atual é formado por Kelly Haston (comandante), Ross Brockwell (engenheiro de voo), Nathan Jones (oficial médico) e Anca Selariu (oficial de ciência) – saiba mais sobre eles aqui

Eles estão morando e trabalhando em uma estrutura de 160 metros quadrados chamada Mars Dune Alpha, que é toda adaptada para as condições marcianas. Por meio do programa CHAPEA (sigla em inglês para Saúde e Desempenho da Tripulação em Exploração Análoga), os membros experimentam um cenário totalmente compatível com Marte ao longo de cerca de um ano.

Para reproduzir de forma fidedigna o ambiente marciano, o lugar é coberto com areia vermelha, com um pano de fundo de penhascos rochosos e não oferece ar livre, além de oferecer as mesmas temperaturas e pressão atmosférica de Marte.

publicidade

Tudo para ajudar os cientistas da NASA a avaliar as respostas dos organismos dos participantes aos estímulos pelos quais eles vão passar durante toda a jornada, o que será útil no planejamento de missões futuras reais ao nosso cobiçado vizinho.

Há pouco mais de 240 dias em missão, a tripulação atual vem realizando diferentes tipos de atividades, incluindo caminhadas espaciais simuladas, operações robóticas, manutenção do habitat, higiene e cuidado pessoal, exercícios físicos e cultivo de plantas.

Eles capturam e compartilham periodicamente imagens da experiência – enfrentando o mesmo atraso de comunicação de até 22 minutos de Marte para a Terra.

As atividades são monitoradas por um aplicativo interativo que fornece prompts e links de documentos para as coisas que o time está programado para fazer.

Como participar da exploração simulada de Marte da NASA

Programada para começar no último trimestre de 2025, a segunda das três missões planejadas  está com as inscrições abertas até o dia 2 de abril, neste link. Mas, se você mora no Brasil, nem adianta se empolgar – um dos requisitos exigidos é ser cidadão estadunidense e residente permanente no país.

Outras exigências envolvem ser pessoas saudáveis e motivadas, não fumantes, com idade entre 30 e 55 anos e proficientes em inglês para uma comunicação eficaz entre os companheiros de tripulação e o controle da missão. 

Leia mais:

Os candidatos devem ter um forte desejo por aventuras únicas e gratificantes e interesse em contribuir com o trabalho da NASA para se preparar para a primeira viagem humana a Marte.

NASA

A seleção da tripulação seguirá critérios adicionais da NASA para candidatos a astronautas. É necessário um mestrado em uma área STEM, como engenharia, matemática ou ciência biológica, física ou da computação ou um mínimo de mil horas pilotando uma aeronave. 

Também serão considerados candidatos que tenham completado dois anos de trabalho para um programa de doutorado em ciência, tecnologia, engenharia e matemática, concluído um diploma médico ou um programa piloto de teste, entre outros requisitos.

A compensação pela participação na missão está disponível. Mais informações serão fornecidas durante o processo de seleção de candidatos.

“Enquanto a NASA trabalha para estabelecer uma presença de longo prazo para a descoberta científica e exploração na Lua através da campanha Artemis, as missões CHAPEA fornecem dados científicos importantes para validar sistemas e desenvolver soluções para futuras missões ao Planeta Vermelho”, diz o comunicado do programa.